VIT 1X2 FLA | Sem comentários…

crf2x1vit

Demorei de escrever o pós, pois eu fiquei como o título deste post. Mais uma vez perdemos em casa num campeonato em que aquele que não consegue mostrar sua força em seu mando de campo sempre se ferra no final. Nos últimos três domingos, o Leão jogou dentro de casa e de nove pontos faturou apenas um e contra adversários modestos, que não possuem grandes talentos individuais e nem são sumidades, inclusive o CR Flamengo. A coisa está feia e só os metidos a “super-torcedores” paladinos do otimismo exacerbado pra acreditar num milagre.

Pela pontuação da tabela não estamos longe de sair e se vencêssemos no domingo, a gente estaria fora do Z4, mas o Vitória tem Know-how em decepcionar a sua própria torcida e de se autoflagelar. Entretanto, quando vemos os níveis de atuações, as poucas opções de meia e ataque, os nossos laterais barqueiros e que sempre tomam nas costas fica dificil acreditar. Segundo jogo seguido que sr Juan perde pênalti em final de jogo. Mutreta, irresponsabilidade ou o famigerado Azar de Rebaixado?

Sem dúvidas estamos vendo o PIOR VITÓRIA de todos os tempos, estes caras tão deixando NEO, RUBÃO, RACINHA, ELÓI, JR TUCHÊ pra fichinha. Jogadores pífios, mentirosos, só têm gogó e nenhum “futibó”. Uma diretoria CÍNICA, ARROGANTE, PREPOTENTE, INOPERANTE e com suspeita de atos escusos, como colocar jogador de empresário, forçar escalação de jogador de fundo de investimento criado por próprios conselheiros (fora outras coisas)…que dá golpe no Atlético-PR…Falcão está conseguindo ser pior que Alexi Portela Jr, o que parecia impossível.

Para mim já deu, agora é contagem regressiva para a Série B. Racionalmente não tem como eu acreditar que um time que ganhou 3 de 18 vai ganhar 11 de 20 pra se salvar. E não me venham com comparações de 2006 e 2007. Estamos na Série A e não na C ou na B. Então, é muito mais difícil dar uma reviravolta como vimos nestas duas temporadas de 7 a 8 anos atrás. Não digo que estarei torcendo contra, só não acredito e não vou ficar me iludindo ou criando expectativa de um time que não dá nenhuma CREDIBILIDADE ao seu torcedor.

Derrota ridícula para um Flamengo que não tem nada demais (a não ser mais dedicação e garra) e que dominou o Vitória por todo o segundo tempo. Mais uma vez não criamos nada do meio pra frente e não ameaçamos o goleiro Paulo Victor. Até o nosso gol saiu de uma “cagada”.

#FORAFALCÃO #ADEUS_POLÍTICA_PÉS_NO_CHÃO

Afirmação da Mudança ou Retorno da Maresia?

vitoria_vs_flamengo_br2014

VITÓRIA x Flamengo. Na última vez que teve este duelo pelo Brasileirão foi na última rodada da edição passada e vencemos por 4×2 com belos gols e jogadas de nossos atletas, em especial de Maxi Biancucchi que fez um golaço. Estávamos encerrando um ano, no brasileirão, até de um certo ponto “mítico”, pois foi a primeira campanha sólida nossa na Série A com a fórmula de pontos corridos. Por pouco não pegamos a Liberta!

Este ano a situação tá muito diferente e precisamos vencer o midiático clube do Rio de Janeiro. Depois de assistirmos o belo triunfo na Ilha do Retiro por 1×0 em cima do Sport Recife, a pergunta fica no ar: A partida deste domingão será a Afirmação da Mudança ou o Retorno da Maresia?

A expectativa é do time voltar a jogar com aquela raça, vontade e seriedade como vimos na quinta-feira, que poderemos nos dar bem, pois o Flamengo de 2014 também tem sérias limitações em seu elenco e não vem fazendo uma boa campanha, inclusive já esteve na zona de rebaixamento e vem se recuperando agora, depois que Luxa assumiu o CRF. Portanto, nada de temer o adversário ou de respeitar em excesso. A solução é repetir a atitude do jogo com o Sport que a conquista do triunfo ficará mais facilitada.

Não podemos voltar a ter aquela apatia e desorganização tática das últimas duas partidas em nosso Santuário, em que não marcamos um gol sequer e de seis pontos faturamos apenas um no melancólico empate em 0x0 com a Chapecoense. Está na hora de vencer dentro de casa com frequência e fazer valer nosso mando de campo. Uma das receitas mais certeiras contra o rebaixamento e até pra buscar coisas maiores é fazer de sua casa sua Fábrica de Fazer Pontos. É vencer o máximo e beliscar pontos fora. Receita melhor que esta não existe.

Sem poder contar com Kadu, Neto Coruja e José Wellison (seleção sub-21), o Leão deverá ir a campo com Jr Fernandez, Ayrton, Luiz Gustavo, Ednei e Juan; Cáceres (Adriano), Richarlyson, Escudero e Marcinho; Caio e Beltrán (Dinei).

Já o Flamengo, com 22 pontos e na 11ª colocação na tabela, virá com Paulo Victor, Léo Moura, Marcelo, Wallace e João Paulo; Cáceres, Canteros e Márcio Araújo; Everton, Paulinho e Alecsandro. Deste time aí, os perigos estão por conta das bolas paradas, dos habilidosos Canteros e Paulinho e do poder de finalização de Alecsandro, cria da Toca.

ficha_vitoria_vs_flamengo2014

Relacionados:

Goleiros: Gustavo e Júnior Fernandéz;
Laterais: Euller, Nino, Mansur, Juan e Ayrton;
Zagueiros: Ednei, Roger Carvalho e Luiz Gustavo; 
Volantes: Cáceres, Richarlyson, Adriano e Marcelo;
Meias: Marcinho, Luís Aguiar e Escudero;
Atacantes: Marcos Júnior, Vinícius, Willie, Dinei, Caio e Guillermo Beltrán.

Coisas do Vitória!

vitoria1x0Sport

Se eu fosse personagem daquela historinha infantil, eu faria a seguinte pergunta ao Espelho Mágico, “espelho espelho meu existe um time mais esquisito que o meu?” Pois, toda vez é assim, quando a torcida em peso desconfia e crava que o time vai levar um sacode, eis que eles vencem e ainda jogam bem, com garra e determinação como vimos na noite de ontem na Ilha do Retiro, quando de forma surpreendente, o Leão venceu por 1×0 o rubro-negro de Recife, jogando bem e dominando a maior parte do jogo. O contrário também acontece, quando criamos expectativas e acreditamos numa vitória tranquila, o Vitória vai e empata ou perde, mesmo que o adversário seja uma seleção de refugiados da guerra.

Com um time misto, repleto de jogadores reservas e questionados pela torcida, sem um volante pegador no meio, time aberto, com três atacantes e três meias com tendências mais ofensivas que defensivas, ninguém esperava uma partida e um resultado tão positivo. Só os metidos a super-torcedores, que cá entre nós, isso é lenga-lenga, no íntimo deles também pensava em mais uma derrota. Para mim este perfil de torcedor é apenas fachada, não é de corpo e alma.

Sou pelo justo. Critico quando precisa e elogio quando merece. Ontem, finalmente vi José Wellison prestar para alguma coisa. Marcou muito bem, distribuiu bem as bolas, jogou com uma raça que até então não tinha visto nas partidas anteriores. Agora, quase que ele voltava a cair em meu conceito, quando fez aquela falta na entrada da área no fim do primeiro tempo. Outro que me surpreendeu foi o estreante Ednei. Mostrou segurança e parece ser aquele que vale o ditado “bola pro mato, que o jogo é de campeonato”…Só espero que não seja mais um Leão de Estreia, como foi Alemão e uma dezena de jogadores que aqui passaram.

Só que nem tudo foram flores. Não gostei de Luiz Gustavo e Mansur no primeiro tempo. Estavam muito estabanados e foram presas fáceis do modesto e liliputiano meia Ananias. Por sinal, não confio em LG na zaga, justamente por ele lembrar o desengonçado Gabriel Paulista, sempre chegando afobado e cometendo pênaltis e ontem ele, LG, fez um e por sorte o árbitro não deu. Richarlyson e Marcinho deram o ar da graça, o primeiro marcou, atacou, tocou bem a bola e o segundo, além de enfim mostrar ser um meia armador, ainda fez um golaço aos 9 minutos depois de um contra-ataque do Brinquedo Assassino e a tabelinha do camisa 10 com Ayrton. O gol nos deu tranquilidade e soubemos cadenciar a partida desde então e poderíamos até ter ampliado com Beltrán e Vinicius na segunda etapa.

Enfim, o Vitória de ontem deixou um bom alento à torcida rubro-negra. Mesmo com time misto, o grupo se comportou com foco, determinação, garra e inteligência tática. Vi um pouco do ECV de 2013 na noite desta quinta-feira. Espero que seja o marco inicial de uma virada no Brasileirão.

Mera formalidade | Sport X Vitória

prelecao do abbehusen

E nesta quinta-feira a Copa Sul-Americana se inicia para o Vitória, mas a torcida não deve criar nenhuma expectativa para esta competição. A direção e a comissão técnica resolveram poupar nossos queridos jogadores dessa viagem para manter o foco na grande disputa contra o rebaixamento da série A. Prenúncio de eliminação precoce nessa competição internacional e série B cada vez mais perto. Parabéns aos envolvidos nessa situação deplorável.

Com o time cheio de desfalques e a estréia do zagueiro Ednei (mais uma pérola dessa incompetente diretoria) o Vitória irá a campo com Júnior Fernández; Ayrton, Luiz Gustavo, Ednei e Mansur; José Welison, Richarlyson e Marcinho; Marcos Jr, Willie e Guillermo Beltrán.

Ao contrário do Vitória, o Sport está bem na série A e também irá priorizar a Copa Sul-Americana. O time entrará com força total na partida de quinta-feira. O Leão da Ilha deve ir a campo com Magrão, Patric, Ewerton Pascoa, Durval, Renê, Rithely, Wendel, Ibson, Felipe Azevedo, Ananias e Neto Baiano.

Lógico que futebol é jogado dentro de campo e que o Vitória com o time reserva pode chegar na Ilha do Retiro e fazer um jogo duro contra o Sport, mas se os jogadores já perceberam que a própria direção não valoriza e não tem nenhuma ambição nesta competição, como cobrar dedicação, raça e foco para vencer a partida? Muito difícil a situação do nosso clube e o fundo do poço ainda não chegou, pois a série B é logo ali.

SRN e muito remédio para dor de cabeça a toda a nação rubro-negra!

Segue relacionados:

Goleiros: Júnior Fernández e Gustavo

Laterais: Ayrton, Mansur e Nino Paraíba e Euller

Zagueiros: Ednei, Luiz Gustavo e Matheus Salustiano

Volantes: José Welison, Marcelo e Richarlyson

Meia: Marcinho

Atacantes: William Henrique, Willie, Guillermo Beltrán, Vinicius, Dinei e Marcos Júnior.

No Calvário…

calvario

A nossa cruz está pesada. Nosso Fardo, dolorido. Nossa morte está sendo lenta e com milhares de testemunhas incrédulas, inoperantes, inertes…Só se escutam ranger de dentes, bravatas, olhares espantados, indignados, raivosos e chorosos. O Vitória está selando seu destino ao pior rebaixamento da história do clube na gestão de um Déspota, que se acha intelectual, arrojado e íntegro, mas as suas ações lhe indicam o oposto de tudo isso aí.

Até a maior T.O. do clube, que sempre foi marcada por saber cobrar, por criar protestos quando alguma coisa no ECV dava errado, estranhamente se calou depois de ter o seu presidente colocado no conselho e com alguns membros importantes administrando lojas oficiais do Leão. Indicação clara de que foram cooptados. Se nossa Organizada, que sempre foi tipo um porta-voz do torcedor comum já não se movimenta mais para defender a dignidade do Vitória, o que nos resta? Só uma grande manifestação espontânea, mas com organização e muita perseverança de torcedores comuns, sócios e ex-conselheiros para tentar mudar este panorama.

Estamos num calvário, que nem o da Bíblia, sabemos o destino que nos espera com esta diretoria omissa, obscura, inoperante. Agora, só não temos ideia de que teremos um outro salvador futuramente, uma gestão que volte a colocar o clube nos trilhos e prossiga os seguidos upgrades feitos pelo Ex-presidente Paulo Carneiro…Que com todos os seus defeitos pessoais e como gestor, alavancou o Clube. Isso é inegável. Ele pegou o Vitória numa situação muito pior em termos de infraestrutura, títulos e status nacional e praticamente REFUNDOU o clube, colocando como o mais vencedor a nível regional e com sucessivas contratações de peso que colocaram a agremiação na mídia nacional como Bebeto, Edílson, Vampeta, Petkovic, Mazinho e Aristizábal.

Não estou falando que precisamos da volta de PC e sim que precisamos de uma nova gestão que tenha a mesma visão transformadora dele e que claro, seja melhor, dando títulos nacionais e que dê outro upgrade nas divisões de base e na estrutura do clube, notadamente o Barradão, que nos moldes atuais é um estádio completamente defasado e desconfortável (sentar no cimento quente e/ou tomar chuva nunca será conforto).

Uma coisa é fato: Com esta diretoria o Vitória caminha a passos largos rumo ao retrocesso, às décadas de 70 a 80 quando éramos saco de pancadas do rival e a nível nacional não éramos nada, apenas mais um timinho do nordeste que só entra pra fazer número. Até os títulos regionais estamos perdendo com frequência, já não ganhamos um Ba-Vi desde o famigerado 7×3 e voltamos a ser freguês do modesto Ceará…O Vitória agoniza. A “política pés no chão” explodiu, chegou ao seu limite, pois os mentores desta política não souberam aplicá-la corretamente. Pés no Chão não é contratar 20 a 30 jogadores por temporada no chamado “tentativa e erro”. Pés no Chão Verdadeiro é com o pouco orçamento que tem, contratar o mínimo possível, mas com maior rentabilidade (em campo e financeiramente). É contratar 5 de 100 mil que prestem, não 10 de 50mil que não prestam.

Precisamos de uma ressurreição e de um novo “Jesus”. Estamos sendo dirigidos por uma horda de demônios, verdadeiros lobos em pele de cordeiro e que fazem de tudo para aumentar seus exércitos de blindagem.

PS.: Conheço muitos integrantes da T.O., inclusive os líderes. Respeito a todos e não tenho nada contra, mas como torcedor eu tenho SIM o direito de criticar ou estranhar a mudança de comportamento desta T.O, coincidentemente após seu presidente ter sido convidado pra ser Conselheiro e outros membros da diretoria administrarem lojas do clube nos shoppings da cidade. Sei que vou causar polêmica, mas é meu ponto de vista. Tenho direito.

PRELEÇÃO | Vai ter luta?

vitoria_vs_figueirense_br2014

E vamos nós para mais um jogo do Leão. Já que eu desisti praticamente de ver este elenco apresentar um futebol decente pra torcida, que convença a diretoria e imprensa esportiva, a pergunta que faço é: Vai ter luta, jogadores? Ou além de não jogarem nada, ainda vão atuar como se o jogo em campo não valesse nada, que estão ali só pra cumprir o regulamento?

Segundo as más (ou boas) línguas os jogadores se rebelaram contra Jorginho, devido a sua forma esquisita de lidar com eles e por cortar dos relacionados alguns jogadores. Não descarto completamente, mas é de se estranhar as seguidas confusões nos treinamentos e o “descarte” de Luiz Gustavo nos jogos, mesmo quando o titular se ausentava.

Enfim, o boneco deformado já foi embora e Ney Franco volta. Hoje o time será comandado por Eder Bastos, auxiliar do staff fixo de Ney. Quem deve ter gostado da volta de NF é Luiz Gustavo, Willian Henrique e outros limados pelo ex-técnico. Se as notícias de bastidores se confirmem a tendência é que hoje os jogadores mostrem pelo menos luta, garra e determinação em campo, pois a torcida até compreende quando o time deixa de ganhar quando se busca o resultado, quando se briga pela posse de bola, mas da forma que o Vitória vinha jogando não há alento algum e bravata de torcedor-modelo nenhum evitaria um rebaixamento melancólico.

A luta contra a degola será árdua. Só temos esta meta no campeonato. Não sou iludido, nem metido a “ganhador de loteria sem jogar” em relação a este elenco e a pontuação na parte de cima. Já me convenci que este grupo só pode dar o bufo-bufo, uma vitória aqui, outra ali…Nada de devaneios de Libertadores, G8, G6…Este ano um 16º será título para este elenco pobre, limitado e com uma diretoria amadora e inerte. O Figueirense é um time fraco, mas que vem em ascensão. Em outras condições eu diria que o ECV seria franco favorito, mas CF conseguiu fazer nossa torcida temer qualquer jogo, seja dentro ou fora de casa.

FICHA_VIT X FIGUEIRA

RELACIONADOS

Goleiros: Wilson e Júnior Fernandez.

Laterais: Euller, Juan, Romário e Nino.

Zagueiros: Kadu, Luiz Gustavo, Matheus Salustiano e Roger Carvalho.

Volantes: Adriano, José Welison, Luis Aguiar, Marcelo, , Richarlyson e Neto Coruja.

Meias: Escudero e Marcinho.

Atacantes: Caio, Dinei, Guillermo Beltran, Marcos Junior, William Henrique e Willie.

SEM COMENTÁRIOS! DIRETORIA SEM VERGONHA!

ney_franco

“Boemia, aqui me tens de regresso”

O Vitória de Carlos Falcão e sua corja é tipo mulher de vagabundo…Parece que a meta de ser rebaixado e de quebrar todo o “amor-próprio” e dignidade está sendo colocada a todo vapor por esta diretoria obscura, mentirosa, vil e hiper incompetente. Depois de ter dado um chute no traseiro do Clube (não foi a primeira vez, lembrem dos zagueiros Jean e Defendi, do staff Carlos Anunciação e agora Ney Franco). Realmente ele foi muito útil em 2013, mas má fase não é exclusiva de jogador, NF está em má fase…Foi lamentável em todas as competições com o Vitória e no Flamengo foi uma lástima e a diretoria corre atrás do cara que deu uma banana ao clube, sem se despedir dos atletas formalmente.

Só nos resta torcer…mas as expectativas são as piores possíveis. E sobre o jogo contra o Coxa, eu fui dormir assim que vi mais um FRANGO do goleiro de braços de jacaré. Eu já vi goleiros pegarem aquele tipo de chute sem muitas dificuldades. Pareceu golaço por causa da distância e de onde o cara chutou, mas a bola não foi literalmente no ângulo. Estava poucos centímetros afastado do centro do gol e mais uma vez T-Rex foi com braços encolhidos e fora do timing da bola. Já deu…Wilson não, mamãe!!! Até quando vamos dar créditos a este goleirinho? A coisa tá preta. Tem que vencer 10 jogos de 22…Valeu FalCÃO.

Jurassic Park Leão

Jurassic Park Leão