Vitória faz, em abril, o primeiro jogo em casa pelo Baianão

A pandemia maldita e uma triste coincidência fez o VITÓRIA jogar apenas 4 jogos no Baianão 2021, todas fora de casa. Somente agora, dia 14/04, o rubro-negro fará o seu primeiro jogo como mandante na competição. E o adversário não podia ser o mais interessante possível: o lanterna Doce Mel, que em seis jogos perdeu 3 e empatou outras 3.

Entretanto, por conta da maratona de jogos no último mês de março, o técnico Rodrigo Chagas deve escalar um time mesclado para a partida de logo mais. A tendência do line-up do Leão é: Arcanjo, Van, Marcelo Alves, Mateus Morais e Roberto (Pedrinho); João Pedro, Cedric (Maykon Douglas) e Ruan Nascimento; Alisson Farias, Ygor Catatau e Samuel (Eron).

Mesmo com este time alternativo, o Vitória continua como favorito e tem a obrigação de vencer, até pra buscar a classificação e evitar pelo terceiro ano seguido a vergonha de ser eliminado na primeira fase de um dos piores estaduais do Brasil. O jogo será às 19h30 e terá a transmissão da TVE-BA e pelo canal de YouTube da emissora.

WALTER RESCINDIU – No fim da manhã de ontem, o torcedor rubro-negro foi de certa forma surpreendido com a notícia da rescisão do contrato do atacante Walter. De fato, nas poucas vezes que entrou em campo ele não correspondeu, além de parecer para quem está assistindo que ele engordou ao invés de emagrecer, conforme era o planejamento do clube. De acordo com a versão do clube e da imprensa, foi o jogador que pediu o desligamento alegando problemas pessoais.

04/07 1×1 Vitória | Tamo classificado, cambada!!!!

O Vitória garantiu a classificação para a fase mata-mata da Copa do Nordeste ao empatar em 1×1 com o 4 de Julho. Em um jogo fraco tecnicamente, em que o rubro-negro só foi melhor no segundo tempo, mas sem grande inspiração e eficiência ofensiva, o gol de Ygor Catatau evitou uma derrota vergonhosa ao mesmo tempo que garantiu um adversário teoricamente mais fácil. O ECV enfrenta agora o Altos-PI no jogo único e eliminatório!

Vale ressaltar como as ausências de Pedrinho e Marcelo Alves transformaram a zaga do Vitória numa água!!! João Victor é um zagueiro muito ruim e que não vale a pena o clube manter ele no grupo. Se lembrem do ditado do sábio Evaristo de Macedo: “não tenha jogador ruim no elenco, pois quando precisar dele, você vai ficar na mão”.

É vencer e se classificar!

O Vitória encerra a sua participação na primeira fase da Copa do Nordeste a partir das 16h deste sábado, quando enfrentará o piauiense 4 de Julho, no estádio Lindolfo Monteiro em Teresina-PI. Para alcançar a classificação sem depender de combinação de resultados, basta vencer por qualquer placar que o intento será alcançado.

Já nosso adversário tem remotíssimas chances de classificação, pois tem sete pontos e o quarto colocado do Grupo A, Sampaio Correia, tem 10 pts. Além disso, o time maranhense tem saldo zerado e o 4 de Julho tem -2, pra piorar, Treze e Confiança têm que perder seus jogos. Enfim, é muita matemática e muita reza pra classificar o time piauiense, por isso é bem possível do time de Piripiri vir sem muita animação pra partida. Todavia, ninguém ganha de véspera e o rubro-negro precisa repetir a atuação do jogo do Rio Branco agora, se possível com mais foco e determinação ainda.

É fundamental chegar na segunda fase do Nordestão e começar a pensar em voos mais altos, por que não? Não precisamos de montar nenhuma Seleção pra alcançar o título do regional mais arretado do país e também não temos, nem de longe, o pior time. O elenco que se apresenta agora é bastante promissor e pode sim apagar o dramin esportivo que foi o ECV nas duas últimas temporadas. Segue abaixo a arte gráfica do nosso provável time titular para a partida de logo mais, que terá a transmissão do Nordeste FC. A única baixa é o lateral esquerdo Pedrinho, expulso na rodada anterior.

4dejulho vs vitoria 2021 blog

Vitória faz o dever de casa, vence o Rio Branco e se classifica para a 3ª fase da Copa do Brasil

Com gols de David e Gabriel Bispo, o Vitória assegurou a classificação para a terceira fase da Copa do Brasil e a cota de R$ 1,7 milhões pela passagem de fase. Fizemos um primeiro tempo meio sonolento e sem muita inspiração ofensiva, mas no segundo tempo o time jogou mais solto e fez dois gols rapidamente. O primeiro em cobrança de escanteio de Vico para a bela cabeçada de David. Na sequência, o goleiro do Rio Branco errou na saída de bola, Gabriel “Wijnaldum” Bispo roubou a bola e ampliou o placar!!!

Vale destacar a bela partida do time na segunda etapa, com várias viradas de bola, boa troca de passes – e a fominhagem de Ygor Catatau, que entrou no lugar de Vico (que acertou duas bolas na trave), e preferiu a jogada individual em três momentos em que tinha opções para o passe, e com isso ampliar o marcador. Creio que ele vai ser cobrado pelo elenco e pelo treinador Rodrigo Chagas! A postura de Catatau neste jogo foi lamentável. Futebol é um esporte coletivo. Tentar a individualidade uma vez ou outra tudo bem, mas em todos os lances vira egoísmo e falta de espírito de equipe!

Vai pra cima, Leão!!!🦁

Vitória encara Rio Branco pela Copa do Brasil

O Vitória volta a campo hoje à noite pela Copa do Brasil e precisa vencer para alcançar a terceira fase da competição, além de aumentar as receitas do clube com a cota estimada em R$ 1,2 mi. Diferentemente da fase anterior, o empate não serve para o rubro-negro e nem para o Rio Branco. O empate levará o jogo às penalidades máximas e como isso é praticamente uma loteria é recomendável que o escrete de Rodrigo Chagas leve a partida a sério, com foco e disposição de atacar e buscar a vitória. 

A equipe capixaba não joga há quase um mês pelo fato do estadual de lá estar suspenso pela situação da pandemia e isso é um ponto favorável ao Leão, pois além de enfrentar um time teoricamente mais fraco, terá um adversário sem ritmo de jogo e isso faz muita diferença. Do lado do alvinegro capixaba, a peça mais conhecida é o extremo Paulinho, que jogou aqui em 2017 e que começou a carreira até bem no CR Flamengo, fazendo alguns gols e boas jogadas, mas depois foi descendo a ladeira sem freio até parar no modesto futebol do Espírito Santo.

O Vitória deve ir a campo com: Lucas Arcanjo; Raul Prata, Marcelo Alves, Wallace e Pedrinho; Gabriel Bispo, Cedric e Alisson Farias; David, Vico e Samuel.

A partida terá transmissão da SporTV/Premiere a partir das 18h45, com narração de Marcio Meneghini e comentários de PC Vasconcellos e do sérvio Dejan Petkovic.

Vitória é guerreiro, vence Treze com um a menos e encaminha a classificação

Finalmente acabou a fase Empatati & Empatatá do Vitória e o rubro-negro voltou a vencer ontem à noite no simbólico domingo de páscoa, onde parece que o espírito avassalador da magia do Barradão ressuscitou. Mesmo com um a menos em cerca de 1h de jogo (final do primeiro tempo + segundo tempo + acréscimos), o Leão foi valente e conseguiu abrir 2×0, tomou um gol, uma mini-pressão e fechou o jogo com o terceiro gol no final da partida. Com o resultado o VITÓRIA assume a segunda posição do Grupo B e encaminha sua classificação para a fase de mata-mata da Copa do Nordeste 2021.

Primeiro Tempo O Vitória foi logo mostrando que estava com vontade de acabar com a fase modorrenta de empates consecutivos. Tanto que aos 10 minutos abriu o placar, com um excelente passe em profundidade de Vico que achou Alisson Farias na área, que dominou e de canhota mandou pro fundo das redes. Vitória 1×0. Com o gol, o Leão passou a jogar nos contra-ataques e o time paraibano aumentou sua ofensividade, mas sem grandes lances de finalização de ambas equipes. Aos 40 minutos, Pedrinho deu uma entrada agressiva no adversário e foi expulso pela arbitragem.

Segundo Tempo Mesmo com um atleta a menos, o rubro-negro não esmoreceu e tentou jogar da mesma forma que começou a partida, atacando, forçando o Treze ficar em seu campo defensivo. Numa dessas jogadas de ataque, aos 11 minutos, David correu pelo flanco esquerdo e cruzou para Samuel, a la Bebeto, fazer um golaço de voleio. Vitória 2×0. Bisonhamente, depois de fazer o segundo gol, o Vitória em vez de levar o jogo em “banho-maria”, começou a errar toscamente nas saídas de bola, chegou até irritar e beirar ser proposital. Pois, minutos antes a defesa estava se portando bem e de repente a bola começou a queimar. E foi numa saída troncha que o Treze diminuiu o placar, cresceu no jogo e fez eu ficar possesso em frente a TV. Incrível como essa sina segue no clube, sai treinador, entra treinador, sai elenco, entra outro plantel e toda vez que o Vitória pode tranquilizar o jogo, faz de tudo pra colocar o adversário no jogo e muitas vezes sofre revezes doloridos por esta postura.

O Treze seguia buscando o empate, até que sofreu um mortal contra-ataque em que David (o que gerou o gol do Treze), recebeu em profundidade, chutou a bola como uma bailarina raquítica, estranhamente o goleiro paraibano rebateu e Ygor Catatau mandou pra dentro. Nosso jovem extremo esquerdo tem potencial, mas tem duas coisas que ele precisa corrigir urgente: 1) Toda bola que recebe, ele adianta “2km” e tenta alcançar (se joga com a bola mais próxima do pé, vide Messi) e 2) os chutes dele são fracos, parece que não come ou pior, que não sabe bater na bola. Ele melhorando esses dois aspectos aí vai ser um jogador muito importante para temporada, porquê velocidade e drible curto ele já é bom!

TÁ NORA HORA DE VENCER

O Vitória entra em campo hoje à noite, 18h, pra encarar o Treze-PB e sabe que está devendo ao seu torcedor. Depois de cinco empates consecutivos, a desconfiança começa a pairar, juntamente com a crítica e o desânimo. Para o importante duelo da sétima rodada, o Leão não terá seu trio da meiuca titular por conta de lesões (G. Rend) e suspensão (Gabriel Bispo e João Pedro). A tendência é que os substitutos serão Cedric, Maycon Douglas e Alisson Farias, com Soares e Ruan Nascimento correndo por fora. O técnico Rodrigo Chagas deve formar o time inicial com Arcanjo, Raul Prata, Marcelo Alves, Wallace e Pedrinho; Cedric, Maycon Douglas e Alisson Farias; Ygor Catatau (Vico), David e Samuel. Em terceiro lugar com 9 pontos, o rubro-negro tem tudo ao seu favor pra se classificar à segunda fase do melhor regional do Brasil.

Já tá ficando chato!!! A mesma sina de 2020! A SÉRIE B promete!!!

TÔ CANSADO…deste mesmo resultado…amargo…PORRA (leia ouvindo aquele audio tosco de PC)!!! É galera, a mesma sina de 2020 segue a todo vapor!!!! O Vitória não perde, mas também não ganha e chegamos ao quinto empate consecutivo e empate consecutivo ajuda demais a ficar no meio do caminho de competições, sobretudo estaduais e regionais que são mais curtos. Além disso, final de maio, que é logo ali começará a Série B que tá com cara de Série A-2 e se o time rubro-negro segue nesse Tic-Taca Reverso, sem aproximação das linhas, verticalização de jogadas e agressão ao campo adversário, seremos presas fáceis na segundona. E a luta pelo tri-não rebaixamento será mais dificultada pelo nível dos adversários de 2021. ÊÊÊ Vitória da desgraça, que finge praticar futebol há 5 anos no mínimo. Com essa falsa posse de bola, sítio de cerca arame-liso, não incomoda ninguém! TÔ CANSADO…

Depois de 15 dias, o Vitória volta a jogar pelo Baianão

Depois de duas semanas, o Vitória volta a jogar pelo Campeonato Baiano e encara mais uma partida fora de casa (incrível, mas o Leão já jogou 3 partidas pelo estadual e nenhuma no Barradão). O adversário da noite de hoje é o Bahia de Feira, equipe que vem oscilando nos últimos estaduais com boas e irregulares campanhas e que às vezes complica o rubro-negro nos confrontos diretos.

Em sétimo lugar e com apenas 3 partidas realizadas, o Vitória sabe que precisa vencer para ter condição de classificação e se aproximar dos primeiros colocados. Todavia, por conta de já ter feito 8 jogos em menos de 30 dias, o técnico Rodrigo Chagas deve montar um time misto, para poupar os jogadores que apresentaram o índice CK alto (índice que aponta risco de lesão). O Vitória deve ir a campo com: Lucas Arcanjo; Van, João Victor, Mateus Moraes e Roberto; Cedric, Maykon Douglas e Ruan Nascimento (Soares); Alisson Farias (David), Ruan Levine e Walter.

Por jogar com um time misto e contra um time que costuma ser chato contra nós, é um jogo sem grande favoritismo e com uma grande tendência de empate, já que o Empate Clube Vitória está virando perito nisso e tá até gostando [lamentavelmente, diga-se de passagem].