VITÓRIA 1999-2009: A SELEÇÃO

Um tema como este, de montar a seleção do Vitória da década, é problématico demais pelo fato de cada torcedor ter a sua forma de pensar, de enxergar o futebol e por se identificar mais com um jogador e menos com outro. Mas como sou ousado e no blog eu tenho por obrigação ser opinativo formei a minha seleção com os 22 atletas que mais chamaram a minha atenção entre 1999 a 2009.

Bem, vale ressaltar que assim como a escolha dos 22 jogadores leoninos a minha escalação do time titular e dos reservas é altamente autoral, ou seja, a minha opinião. Por isso, peço que restrinja o seu comentário a sua seleção pessoal e não tente impor as suas escolhas sobre as minhas, pois ninguém gosta disso, não é verdade?

De 1999 ao presente ano que está se encerrando nesta semana, o rubronegro conquistou 9 campeonatos baianos de 10 edições, campeão da Copa do Nordeste de 99 e 2003 além de ter sido 4º colocado no Brasileirão de 1999, 10º em 2002 e semifinalista da Copa do Brasil de 2004, a melhor campanha do time na competição mata-mata do primeiro semestre.

Nos últimos 12 anos a torcida rubronegra teve a honra e o privilégio de ver craques como Bebeto, Aristizabal e Túlio Maravilha na Toca, além da grande descoberta do sérvio Petkovic, que veio do Real Madrid, a que atribuo como sendo a contratação mais ousada do futebol nacional. Me digam aí quantos times brasileiros conseguiram trazer jogador europeu para nosso país e principalmente vindo de uma potência como o Real Madrid?

O sérvio Petkovic jogou no Leão de outubro/1997 a maio/1999

As contratações caras e de impacto não trouxeram o sonhado título nacional, mas serviram bastante para o aumento do respeito dos times do eixo com nosso time, bem como os dos comentaristas espalhados pelo país. O Vitória passou a ser visto como um “novo time grande”, um time que queria sair da obscuridade, um clube que começava a se organizar em busca de um título de expressão.

Infelizmente, a antiga diretoria quando fazia um excelente time não conseguia trazer um treinador à altura, como em 1997 em que Candinho conseguiu acabar com a qualidade do time de Bebeto, Tulio, Chiquinho e Ueslei. O time só começou a se acertar com Evaristo de Macedo, mas a saída e a volta de Bebeto, durante a competição, mexeu com o equilíbrio do plantel.

Em 1999 PC deixou de pagar o bicho do playoff do Vasco na fase contra o Atlético Mineiro e os jogadores entregaram o terceiro jogo do playoff em pleno Barradão (a data limite era até a véspera do jogo decisivo) e em 2004, PC interferiu na escalação do time contra o Flamengo ao obrigar o iniciante treinador Agnaldo Liz a escalar Vampeta, completamente bichado, no lugar do garoto Vinicius, que estava jogando muito até então. O resultado disso todos sabemos: perdemos as nossas grandes chances de títulos importantes.

Sem nenhum tipo de devaneio, o Vitória poderia ter hoje DOIS Campeonatos Brasileiros (1997 e 1999) e uma Copa do Brasil (2004), mas Paulo Carneiro interferiu NEGATIVAMENTE nos momentos-chaves de todas estas grandes campanhas. Por isso que às vezes acho que no fundo ele é Bahia e a sua ida para lá neste ano aumentou a minha desconfiança.

O fato é que poderíamos ter três estrelas (se contarmos 1997, com aquela “seleção” que montamos graça a parceria com o Excel Econômico). Com certeza, eles estariam no lixo se tivéssemos conseguido estas competições. Sabe-se que o único refúgio do torcedor tricolor é a nossa falta de título nacional. No dia que conseguirmos vencer nossos estigmas (traumas) eles não poderão falar nada, pois estão quase uma década fora da elite e sem título de qualquer espécie (na categoria futebol profissional).

O elenco do Brasileiro de 99 não era de estrelas mas deu “liga”

Mas deixemos de conversa e vamos conferir a Seleção Vitoriana da década na opinião do blogueiro. Para mim o time seria treinado por Toninho Cerezzo, o melhor treinador da década em minha opinião e teria seu time titular formado com:

Fabio Costa (99), Rodrigo (99), Adaílton (2004), David Luiz (2006) e Leandrinho (1999); Vanderson (2008), Dudu Cearense (2003), Petkovic (99) e Ramon (2008), Zé Roberto (2003) e Aristizábal (2002).

O time reserva desta seleção teria:

Viáfara (2009), Baiano (99), Leonardo Silva (2008), Anderson Martins (2008) e Marcelo Cordeiro (2008); Fernando (1999), Preto Casagrande (99), Artur (99) e Allan Delon (2001), Joãozinho (2007) e Edílson (2004).

E aí o que acharam desta seleção? Representa com qualidade o que tivemos de melhor nos últimos dez anos? Qual mudança você faria em relação a esta? Você seria capaz de formar uma seleção dos melhores da década sem repetir nenhum jogador citado por mim? Mande ver aí nos comentários.

*OBSERVAÇÃO: Os jogadores que jogaram mais de uma temporada no clube estão marcados com o ano em que jogou com maior qualidade, o que significa que em minha visão Ramon, Vanderson e Anderson Martins tiveram melhor rendimento na temporada 2008. Já disse que não aceito imposição de opinião, mas posso justificar todas as minhas escolhas se você, leitor, souber me indagar com respeito e cordialidade.

Anúncios

39 respostas em “VITÓRIA 1999-2009: A SELEÇÃO

  1. Mermão, sou sinbcero, me emocionei com esse timaço montado por vc. Grandes jogadores, jogavam o fino da bola no Vitória. Timaço, não tiro e nem coloco nenhum. parabens. Quanto ao treinador, Toninho Cerezo foi o cara, aposta arriscada, mas foi a aposta!!! Ainda tenho uma foto que tirei ao lado dele lá no antigo Casquinha… 99 foi um ano incrivel, sem contar a camisa que para mim foi uma das mais bonitas.

    Curtir

  2. Fabio perdi a paciencia!
    Essa diretoria desgraçada disse q ia anunciar reforços segunda depois terça e ate agr nada!
    e pra terminar ainda sai uma noticia no A Tarde dizendo q o vitoria ”perdeu a paciencia” e desistiu de fabio ferreira!
    da pra acreditar !
    Diretoria q da raiva!

    Tenha calma, homem de pouca fé. Primeiro que a diretoria não anunciou nada, foi a imprensa que inventou esta. E a diretoria ta certa sobre FF mesmo, pois o empresario dele ta fazendo cu doce e a diretoria não tem obrigação de atender os caprichos deste cara (o empresario) que ta fazendo leilão.

    Curtir

    • Lucks, com certeza FF não quer o ECV. Quase um mês depois do CB e nada? Ele tá nem aí pra gente. Outra coisa, todo mundo anunciando reforços e a gente? Vamos ficar com o resto??????

      Curtir

      • Mas amigos,deu no http://www.globoesporte.com.O Avaí ta se movimentando.Leiam,

        O Avaí está compondo a sua equipe para as importantes competições que irá disputar na temporada de 2010. Depois de terminar na sexta posição da Série A do Brasileiro deste ano, vencer o Catarinense, e conquistar uma vaga na Copa Sul-americana do ano que vem, alguns jogadores importantes deixaram o time, como Léo Gago e Marquinhos. O clube já anunciou algumas contratações e renovações mas, sem ter o grupo completamente definido, outros nomes surgiram, como o do atacante Sávio e do volante Mineiro.

        Em entrevista à Rádio CBN/Diário, na tarde desta quarta-feira, o técnico do Avaí, Péricles Chamusca, falou sobre esta movimentação de atletas do clube catarinense e da possível vinda destes jogadores:

        – Esse é um processo natural depois desta grande campanha. É normal a valorização de vários jogadores, principalmente daqueles que fizeram uma boa temporada. A reformulação é um processo natural. Esses jogadores que estão sendo contratados estão procurando atender a um perfil com características mais ou menos parecidas dos que saíram, para que a gente fique o mais próximo da base desta temporada, para entrar bem na temporada que vem – disse Chamusca.

        Em relação a uma possível contratação do volante Mineiro, que serviu ao São Paulo, e ao Schalke 04, da Alemanha, Chamusca elogiou o jogador e disse que o perfil dele estaria encaixado no do Avaí:

        – O Mineiro já trabalhou comigo no São Caetano em 2004, o conheço bem. É um jogador que seria muito interessante para nós pois tem um perfil que queremos dentro do Avaí, além de ter um lado extra-campo muito bom.

        Outro nome que apareceu na Ressacada é o do atacante Sávio, de 35 anos, revelado no Flamengo. Péricles comentou que seria interessante ter o jogador no grupo:

        – O Sávio é um jogador de qualidade confirmada e sem dúvida é um excelente profissional. Também seria um jogador de grande experiência dentro do grupo, mas isso são coisas que ainda estão para serem definidas. Estamos conversando sobre isso junto à diretoria, mas sabemos da capacidade e da qualidade deste jogador – relatou.

        Sobre a estreia do Leão no Campeonato Catarinense de 2010, o treinador revelou que a tendência é que o Avaí entre em campo com um time misto, fazendo um revezamento, para que todos estejam preparados:

        – Não queremos perder carga de preparação neste momento de estreia. Por isso, vamos fazer um revezamento para que a preparação seja sólida para todo o ano. Até porque a Copa do Brasil começa muito cedo, então teremos que estar com o grupo bem preparado também para esta competição. A ideia é dar uma segurada na estreia do Campeonato Catarinense e melhorar o grupo para continuar a pré-temporada com carga forte – encerrou.

        O primeiro jogo do Leão no Catarinense será diante do Brusque, no dia 16 de janeiro, às 20h30min, no estádio da Ressacada, em Florianópolis.

        Curtir

      • Relaxe ai meu velho, disseram q só ia ser anunciado dia 04/01 então vamos esperar até lá.
        Se chegar lá e nao chegar ninguem ou vier bonde de ano novo, ai sim podemos criticar.

        Curtir

      • E outra coisa, já ta ficando chata essa comparação com o Avaí.
        Hoje ele é o “time do momento”, mas quem te garante que vai ser assim daqui a 5 anos? Quem garante que vão se manter na Serie A durante esse tempo?
        Não entendo pq toda noticia que sai lá, comparam logo com aqui.

        Curtir

  3. Oi Fábio,

    concordo, sem ressalvas, com a sua seleção titular da década.
    Acho que vc poderia fazer um post com um provável time pra 2010 dentro da realidade do mercado da bola.

    Segue o meu:

    gol: VIÁFARA
    lat. dir: MICHEL (Náutico)
    zaga: FF e WALLACE
    lat.esq: TRIGUINHO (Santos)
    vol: VANDERSON e UÉLINTON
    meias:RAMOM e WILLIANS
    ata: OBINA e INDIO

    VITÓRIA RUMO AO BI TETRA!!!!

    Curtir

  4. Só um pequeno detalhe: Se você quer fazer uma selecão da DÉCADA, o período de tempo deve ser de 10 anos (1999-2008 ou 2000-2009, acredito que você se referia a última). Mas de qualquer maneira, bela lista.

    Curtir

  5. Dizer mais o que, voçê foi muito feliz preleção,se divessemos essse time atuando em campo na atualidade,não teria para ninguém,aproveito o espaço Fábio para te desejar um novo ano realizações,sucesso,paz e prosperidade,que o anjo do senhor te abençõe.
    FELIZ 2010!
    VITÒRIA SEMPRE!CONTRA TUDO E CONTRA TODOS!

    Curtir

  6. Belos jogadores e ótimos times. Pena q a falta de estrutura nuna nos permitiu manter essa galera toda junta e como consequência muitos títulos virem pro Barradão!!

    Curtir

  7. Grande Fabão!!!
    Como sempre um texto maestral…..
    Agora fabio esqueceu do goleiro Borges, o cara fechava veio e tbm faltou ai nesse meio Nei e no ataque Adeilson, essa dupla veio do parana e arrebentou. E moral mesmo nessa latera esquerda ai faltou RUSSO, o cara jogava muito e era muitoooooo abilidoso, leandrinho e cia nunca vao chegar a bola de russo, o cara foi ate seleçao brasileira negao.
    E de quebra tem chiquinho q vc tem q arrumar vaga pra ele ai na meiuca e no ataque pichete pois o cara brocavaaaaaaaaaa
    Valeu FabioOOoOOo

    Curtir

  8. França; Marco Aurélio, Cametá, M.Heleno (C) ,Fabinho; Fernando (2007, volante) , Moscatelli, Gláucio; Rodrigão, Trípodi e Elcimar;
    Tec: Mauro Fernandes

    Esse sim, é um ótimo time… xD

    Curtir

  9. caralho fabio 2 campeonatos brasileiros e um titulo da copa do brasil pegou pesado !! hahahaahahahahahaah
    Vamos voltar os fatos vc acha mesmo que esse time do vitoria de 1997 tinha condicoes de vencer o vasco da gama de edmundo comendo a bola !! a melhor fase de edmundo no vasco . o time do vitoria em 1997 nem se classificou pra finais do brasileiro se nao me engano ficou em 9 na classificação geral e ainda tem mais o palmeiras que fez a final com vasco era melhor que o vitoria sem falar no time do inter que era a sencacao do campeonato com crhistian fazedno gol pra caralho. vamos agora pra 1999 o vitoria fez o maximo que time mediano mas com muita raca podia fazer toninho cerezo tirou leite de pedra pra fazr o vitoria fazer a semi final pois individualmente o time do atletico era melhor doque o do vitoria tanto é que ganhou o primeiro jogo de 5 x 0 no mineirao depois perdeu o segundo com um gol do zagueiro do vitoria nos acrecimos do barradao e no terceiro deu 3 x 0 com certa facilidade , falar depois que foi porque pc nao pagou isso ou aquilo é desculpa esfarrapada de torcedor que so vê o seu time . e ainda tem mais o campeao foi o corinthias que tinha um timaco e ganhou do atletico os 2 jogos que disputou tanto no mineirao quanto no morumbi portanto nao tenho duvida nenhuma que campeonato brasileiro o vitoria chegou no maximo que podia chegar mesmo.
    Mas pra nao dizer que sou do contra concordo com vc na copa do brasil de 2004 ali sim era a chance do vitoria ter um titulo que preste e perdeu no barradao para o flamengo quando o vitoria tinha um elenco melhor que o flamengo e tenho quase certeza que se o vitoria tivesse passado o vitoria seria campeao em cima do santo andre. mas como o acontece no futebol nem sempre o melhor vence e o flamengo jogou melhor aqui em la no maracana e venceu os 2 jogos.
    portanto meu caro fabio discordo plenamente de vc dizer que sem devaneio o vitoria poderia ter 3 estrelas acho que sem devaneio o vitoria no melhor das hipoteses poderia ter UMA estrela que ja seria de bom tamanho pr quem so tem um uva. heheheheehehee
    abraço !!

    Curtir

    • Você se esqueceu que o Santos foi OITAVO na primeira fase do BR2002 e papou o título tirando na primeira eliminatória o líder São Paulo que tinha um timão da porra? E o Santos de 2002 metade do time era de garotos da base.

      Mas voltando ao assunto: O time do Vitória de 1997 era muito competitivo, tirou Botafogo e São Paulo da Copa do Brasil jogando um bolão, campeão do nordeste e baiano com os pés nas costas, mas no fim do baiano e antes do Brasileiro saiu Arturzinho e entrou Candinho pra treinar o time.

      Com a retranca de Candinho nas primeiras rodadas do Brasileirão atrapalharam a caminhada, mas mesmo assim, o time que era monstro, chegou na última rodada contra o Galo precisando de um empate para se classificar, mas a volta de Bebeto depois do que ele fez abalou o grupo e EVARISTO, que pegou o time na metade do BR, fez merda ao escalar o time sem centroavante e com Bebeto de titular ao lado de Pet no ataque.

      Se aquele campeonato fosse por pontos corridos seríamos fortes candidatos aquele titulo mesmo com a volta tumultuada de Bebeto. E se não me engano ganhamos do Vasco la dentro por 1×0 gol de Petkovic batendo cruzado de canhota.

      Nas semifinais de 1999 tomamos 3×0 no primeiro jogo e nao 5×0. Ganhamos por 2×1 JOGANDO MUITO a segunda partida e tinhamos que vencer por qualquer placar pra pegar o Corinthians na final. E tenho certeza que na final a gente iria jogar de igual para igual como fizemos com o Vasco e o Atletico Mineiro anteriormente, mas pena que Tuta, Preto e Fabio Costa fizeram o motim devido a falta de palavra de PC em pagar o bicho (O lateral Rodrigo abriu a boca em 2003 no Site Barradão On Line, por isso vc ta duvidando da veracidade do fato, pois aposto que vc nao lia com frequencia os sites rubronegros bem como os foruns de discussão que o site tinha no yahoo groups).

      Se não fosse as cagadas de Paulo Carneiro contra o Atletico MG, contra o Flamengo na Copa do Brasil e com a aceitação da volta de Bebeto depois dele pintar o escarceu pra voltar pra europa em 1997 eu n tenho duvidas que o Vitória tinha SIM grande chance de ostentar hoje no peito TRÊS ESTRELAS.

      Curtir

      • Pera fabio vc ta falando de Diego meia do juventus da italia, vc ta falando de robinho um dos melhores atacantes do mundo vc ta falando de elano, fabio costa, renato, leo um time de ouro que o santos tinha e nao sabia , como vc pode comparar o santos de 2002 com o vitoria de 1997 qual jogador do vitoria de 1997 chegou a fazer metade que o jogadores dos santos como elano, robinho e diego representam no futebo, mundial essa sua comparação fui totalmente infundada. o vitoria realmente venceu o vasco em 1997 mas foi no barradao pora 4x 2 porem o vitoria perdeu na fase classificatoria para a mairia dos times que se classificaram pra vc ter uma ideia o vasco fez 54 pontos em 25 jogos e o vitoria fez 36 quase a metade. o vitoria teve 9 vitorias , 9 empates e 7 derrotas se vc acha que se o campeonato fosse de pontos corridos o vitoria ainda teria chances e se vc acha que isso é campanha pra um time ser campeão talvez eu que nao entenda de futebol mesmo.
        Qaunto a 1999 realmente eu nao leio o barradao online mas so de ler o nome do site da pra ver que se trata de um site de torcida oque em nada tem veridico nisso . mas posso te mostrar com fatos de que eu nao estou errado . Escalação do Corinthians: Dida ( milan), Índio, João Carlos, Márcio Costa e Kleber (joga na selecao ate hoje). Gilmar, Vampeta, Rincón e Ricardinho. Marcelinho e Edílson. Técnico: Oswaldo de Oliveira fora o banco com dinei comendo a bola.
        Escalaçao do vitoria
        Fábio Costa; Rodrigo, Pedro Paulo (Eloy), Moisés e Leandro; Baiano, Tácio (Otacílio), Fernando e Artur; Cláudio e Tuta
        -QUAL DESSES JOGADORES DO VITORIA JOGOU FORA DO BRASIL ????
        TIRANDO FABIO COSTA E LEANDRO QUE AINDA FREQUENTAM GRANDES CLUBES DO BRASIL O RESTO NAO EXISTE. ELOY JOGA NO MADRE DE DEUS A ANOS. TACIO TA NO FLUMINENSE DE FEIRA E ISSO JA TEM UNS 4 ANOS. CLAUDIO JOGOU NO BAHIA EM 2003 ERA UMA PORCARIA.
        ou seja fabio as vezes o torcedor enxerga um time que na verdade nao existe é fantasia da nossa cabeca. aprenda uma coisa so é campeão quando é pra ser mesmo e tem compentencia pra isso, fora isso é ilusao de torcedor.

        um abraço

        Curtir

  10. Fábio, realmente tivemos muitos craques e realmente só faltou o título. Faria algumas mudanças, mas realmente este time seria imbatível.

    Lendo alguns comentários no blog do marketing, ví este comentário do Egberto Emílio Melo o qual reproduzo abaixo. Achei muito interessante, aparenta ser utópico mas acredito que possa ser realidade, não talvez com os números que ele cita, mas viável. Gostaria de um comentário seu e dos que aqui comentam.

    Sds, Manoel Pimentel

    Comment por Egberto Emilio de Souza Melo on 24 24UTC Dezembro 24UTC 2009 1:58 AM

    Olá Ricardo,

    Eu quero que você seja o portador dos meus votos de um Feliz Natal e de um Ano de 2010, muito feliz para toda a família rubro-negra do Vitoria, do seu funcionário mais simples ao seu presidente.

    Com muito orgulho vejo que alguns dos meus sonhos começam a ser viabilizados e eu quero me regogizar junto a todos voces
    • Pelo novo gramado,
    • Pela nova pintura das arquibancadas;
    • Pela setorização do estádio;
    • Pela presença na São Silvestre,
    • Pela preença e conquista do título no Taekwendó

    O Vitoria está deixando de ser apenas um time de remo e futebol para se tornar grande também nos chamados esportes olímpicos. Eu espero que em 2010, o clube realmente consiga:

    • Montar uma grande equipe para as disputas das competições futebolísticas já anunciadas;
    • Que valorize a prata da casa;
    • Que conquiste o Tetra campeonato de futebol;
    • Que conquiste os campeonatos das divisões de base, para mantermos a hegemonia no futebol.
    • Que conquiste o deca campeonato de remo;
    • Que monte sua equipe de futsal, para inclusive disputar o campeonato nacional;
    • Que monte uma forte equipe de vôlei visando o campeonato nacional.
    • Que se melhore o estacionamento;
    • Que se viabilize a via expressa e a implantação definitiva do convênio com o Governo do Estado.
    • Etc.

    A vida é feita de sonhos que foram transformados em realidade. Um dos meus sonhos é ver o Vitória como o maior clube de esporte do Mundo. Alguns vão achar isso pretensioso demais, mas, não é. Todo o sonho pode ser transformado em realidade, para tanto precisamos estabelecer uma meta e trabalhar com garra, persistência para viabilizar a trajetória para se alcançar o objetivo desejado.

    O Vitória poderia estabelecer uma meta: SER O MAIOR CLUBE DE ESPORTE DO MUNDO EM 5 ANOS. O que é necessário para tal aconteça?

    Deve ser forte no futebol, para vencer todas as competições, necessárias para ganharmos os campeonatos do mundo interclube dos anos de 2011, 2012, 2013 e 2014. Para tanto, precisamos ganhar o campeonato brasileiro ou a copa do Brasil e a Libertadores da América de 2011 a 2013. e isso exige uma formidável estrutura econômico financeira, de marketing, patrimonial e uma Divisão de base organizada e vencedora.

    No patrimônio, ter uma estrutura robusta e valorizada;

    No marketing, uma estrutura forte e atuante;

    Uma divisão de base, organizada e vencedora.

    Além disso, precisamos contar com apoio político de peso para facilitar a nossa caminhada em direção ao topo e de torcedores parceiros que nos dê o suporte financeiro adequado. Eu acredito muito mais na participação do torcedor do que de patrocinadores comerciais. O torcedor é a alma do clube, ele está comprometido com o sucesso do clube, já o patrocinador comercial quer apenas beneficiar-se como sucesso do clube para ocupar mais espaços no mercado e auferir mais lucros. Como nós ainda não estamos entre os clubes mais importantes do país e, também não estamos no centro do poder econômico e político, ficamos sempre de “cuia nas mãos” em nossas reivindicações. É por isso que a Petrobrás propunha nos pagar R$ 4 milhões por ano enquanto ao Flamengo injetava 5 vezes mais recursos. Agora que o Flamengo é o Campeão Nacional já está chovendo patrocinadores e já se projeta uma receita de R$ 146 milhões.

    Você sabe que todo o torcedor é um pouco de dirigente e também um técnico de futebol. O torcedor sabe do que o Vitória precisa e com certeza está disposto em apoiar a ação da Diretoria a todo o momento, principalmente, se perceber que seu apoio está contribuindo para o sucesso das pretensões do clube. Eu acho que o Vitória está menosprezando o poder da torcida. Ela não é volumosa nem atuante como a do Corinthians ou a do Flamengo ou mesmo a do Bahia, mas, é uma torcida leal e presente, e pode muito bem colaborar para o fortalecimento econômico financeiro do clube. O que falta é um plano para tal.

    A base da nossa torcida está aqui no Estado da Bahia, cuja população estimada é de 14 milhões de indivíduos. Creio que deste universo, cerca de 850 mil a R$ 1.000 milhão e pessoas torcem ou simpatizam com o Vitória. Aqui no Estado, o torcedor ou é Bahia ou então é Vitoria. Se o Departamento de marketing bolar um plano de arregimentação desse pessoal para viver uma parceria visando um objetivo definido, certamente uma significativa parcela destes simpatizantes colaborarão.

    Agora, imagine 600 mil pessoas ( esse é um número imaginário, estimado, irreal para uns, possível para outros, mas o importante é que ele sinaliza que podemos trabalhar com algo muito maior do apenas 20 mil associados ) pagando mensalmente R$ 10,00, uma receita mensal de R$ 6 milhões, ou anual de R$ 72 milhões. Uma receita a mais, independente das quotas de televisão, da venda de jogadores, da propaganda estática e algumas outras fontes que desconheço a denominação e valor, que podem ser direcionadas para ampliar e qualificar tanto o Departamento de Futebol Profissional como a Divisão de Base, o complexo Benedito Dourado da Luz, e viabilizar um projeto de esportes olímpicos.

    Eu gostaria de ver o Vitória com participação efetiva, marcante em todas as áreas do esporte, seja o futebol profissional nos esportes olímpicos brasileiros, tais como, participando dos campeonatos brasileiros de vôlei, de basquete, de natação, saltos ornamentais, futsal, atletismo, boxe etc. como vejo com o Flamengo, São Paulo, Cruzeiro, Corinthians, Vasco da Gama e outros.

    Agora vamos às ações:

    1 estabelecer uma meta. Ser o maior clube esportivo do planeta até 2015.
    2 traçar a trajetória para alcançar esta meta;
    a) Ampliar o número de associados e arrecadar mais;

    No site do SMV consta apenas o número total de 7.442 associados ( entre as diversas categorias ). Sei que existe uma meta de 20 mil associados.

    Agora vamos admitir que se consiga os tais 20 mil associados pagando pelo plano OURO, ou seja R$ 600,00 ano. Se assim for, o máximo que este programa arrecadará será 20 mil x R$ 600 ano = R$ 12 milhões.ano

    Creio que podemos alterar este programa, buscando uma meta mais ambiciosa. Se 600 a 850 mil torcedores pagarem uma contribuição mensal de R$10,00, o clube pode ter uma receita mensal de algo em torno de R$ 6 a 8,5 milhões. Ou cerca de R$ 72 milhões a 102 milhões ano. O clube pode estudar formas alternativas para fazer esta cobrança, que seja fácil para que qualquer torcedor, em qualquer lugar do mundo possa colaborar. O Vitoria deve procurar seduzir o torcedor, valorizando o torcedor rubro negro, diferenciando-o em relação aos demais.

    O torcedor rubro negro deve sentir orgulho de torcer para um clube que,
    • Um título de Sócio Torcedor
    • Cartão afinidade, como o cartão do Jornal Correio da Bahia que permite o acesso a espetáculos com o desconto.
    • pode até abrir os portões do estádio, gratuitamente, para quem mostrar a carteirinha de associado, em dia, afim de assistir o espetáculo.
    • além de ser vitorioso, de não depender de terceiros ( patrocinadores), o distingue, o valoriza em relação aos torcedores das demais equipes. Um clube que coloca no jornal um agradecimento público ao seus sócios torcedores pela sua participação na conquista de títulos;
    • Um clube que apresenta uma gestão transparente;
    • um clube que premia o torcedor que vai ao Barradão com espetáculos futebolísticos de gala, triunfos e mais triunfos e títulos….
    • Um clube que oferece brindes aos seus torcedores
    • Um clube com situação financeira tão sólida que se dar ao luxo de abrir as portas do Barradão, não cobrando nada em seus espetáculos porque os ingressos estariam automáticamente pagos pelos seus sócios torcedores.
    • Afinal de contas, o estádio tem a capacidade de 30 mil torcedores e seu quadro social seria bem superior a este número. Na prática todos estão pagando para ver o espetáculo. Tenho notícias de o Atlético Paranaense já procede desta maneira

    b) Fortalecer- se financeira, patrimonial e esportivamente;

    Além das receitas habituais que o Vitoria tem através de patrocinadores, premiações pela participação em competições internacionais, quotas de televisão por estar na 1ª Divisão e pertencer ao grupo dos 13, da propaganda estática e outros, poderá contar com o reforço citado no item a, para fortalecer o seu caixa e proporcionar condições para investimentos no patrimônio, como ampliação e melhoria no Estádio Manoel Barradas, conforme projeto já existente, fortalecer o time de futebol com melhores jogadores e qualificar os departamentos afins, melhorar as divisões de base, desenvolver um projeto de esportes olímpicos, etc.

    Com relação ao Patrimônio, tenho conhecimento que existe uma proposta de ampliação e melhoramentos do Complexo Benedito Dourado da Luz. Vi a maquete num dos sites ligados ao Vitoria e gostei. Vamos viabilizar o empreendimento. Informem a existência do projeto à torcida, através de outdoor, noticias em rádio e televisão, panfletagem no estádio, comecem já e marquem uma data para o inicio das obras, divulguem um cronograma físico-financeiro, convoquem a torcida para cooperar, ( não fiquem esperando patrocinador), divulguem mensalmente o andamento das obras. O torcedor que ver resultados. Dêm satisfação ao torcedor do quanto foi arrecadado, de quanto está sendo gasto na obra, o que é que foi feito, do que é que falta para finalizar a fase da construção e do projeto. O torcedor que viver esse momento. Quanto mais transparência o clube proporcionar ao torcedor, mais apoio a Diretoria terá. Agradeça ao torcedor o apoio que ele esta dando. Faça como o Corinthians mande colocar uma imagem estilizada da torcida na camisa do clube. Amplie e embeleze o Barradão. Temos verde demais, contrate um paisagista, vamos florir o Barradão. Esse comprometimento clube – torcida deve ser sempre enfatizado. Tenho certeza que nós não precisamos da Petrobrás, da Cia Vale do Rio Doce, da LG, da Odebrecht, ou de qualquer outra para dar suporte ao crescimento do Vitória. Nós precisamos da paixão da torcida do Vitória. No futuro, as empresas é que virão a nós com o “pires na mão”…

    Reformando e ampliando o Barradão, podemos convocar os sócios torcedores para passarem tardes agradáveis no Complexo. Lá poderia ter parques de exposição, de diversão para as crianças, áreas para show musicais e muitas outras atrações.

    Vamos precisar do apôio político para melhorar o acesso ao complexo. Tenho notícias de que o Senador João Durval Carneiro conseguiu uma verba de R$ 3 milhões para a via expressa ligando o complexo à Av. Paralela. Precisamos atuar para que esta obra não fique só no papel. Nós temos vereadores, deputados, senadores que são torcedores do clube e alguns até atuantes dentro do clube. Precisamos trabalhar para que a obra entre no orçamento do Governo. O Marketing pode capitalizar os benefícios desta obra para aproximar a comunidade e o Vitoria. Essa obra só existirá porque o Vitória está presente no bairro. Foi o Vitória que levou desenvolvimento para a região, melhoria dos padrões de vida das pessoas, enriquecimento, portanto é de se esperar que os moradores da região tenham simpatia para com o clube, e que pela lógica apareçam mais torcedores.

    O estacionamento deve ser mais amplo e de melhor qualidade; um estacionamento com ruas demarcadas, vagas definidas, asfalto ou cascalho e mais saídas e entradas.

    Os recursos também podem ser aplicados para melhorar as Divisão de Base, o remo e os outros Esportes, chamados de Olímpicos.

    Esportivamente podemos trazer bons jogadores, formar uma ótima Comissão Técnica, qualificar mais os departamentos médico e físico, reforçar o Remo, viabilizar os esportes olímpicos.

    c) Padronização do uniforme;

    O Vitória me parece que é o clube mais velho, o mais tradicional do campeonato brasileiro, porém não é identificável com precisão, porque o seu uniforme ainda não é de todo conhecido. Há mais ou menos 20 anos que o Vitória troca de uniforme em praticamente todas as temporadas. Se, por um lado, procuramos andar na moda, por outro, perdemos identidade.

    Se, num jogo qualquer, no território nacional;
    • uma equipe estiver com um uniforme banco e outra com camisa vermelha e bermudas branca, vem logo à mente Santos x Internacional;
    • se, por outro lado, uma equipe estiver com camisa vermelha e preta com listras horizontais e bermuda branca e a outra com camisa listradas na vertical em preto e branco e bermuda preta, todos vão pensar tratar-se de um jogo entre Flamengo e Botafogo ( dificilmente alguém pensará em Vitoria x Ceará, ou Atlético do Paraná x ABC);

    • Se, estas equipes estiverem com camisa branca e bermudas azuis e a outra com camisas branca com listra obliqua preta da esquerda para a Direita, todos pensarão tratar-se de um jogo entre Bahia e Vasco da Gama, ninguém imaginará tratar-se da Ponte Preta.

    Precisamos ter um uniforme padrão, algo como a camisa comemorativa dos 110 anos de fundação, que pode ser melhor trabalhada por estilistas ou desenhistas de moda. Eu ainda não vi no Brasil uma outra agremiação com uniforme semelhante Apresentaríamos os dois escudos ladeando o leão que é marca registrada do Vitoria. Pensem nisso

    Frente Verso

    Um Prospero ano novo para todos os rubro-negos do Vitoria

    Saudações

    Egberto E Melo

    Curtir

  11. Fábio sua escolha esta muito boa mais como toda unânimidade é burra ( é o que diz o ditado ) Anderson Martins em 2008 , 2009, 2010 em 2011 , qualquer ano que ele jogue seja em sua seleção titular ou reserva sempre será um zagueiro muito fraco , um bragueiro sem limites um jogador que já empenou meu baba um milhão de vezes que só está até hj no nosso Vitória porque nunca apareceu proposta real ( sem especulações ) seja ela boa ou péssima ninguém quer + é uma questão de opinião ( em 2008 Leonado Silva jogou por ele e por Anderson Martins dando uma falsa impressão de eficiência do referido ) como disse é uma questão de opinião + concordo inteiramente com os outros jogadôres , valeu esperamos um 2010 de prosperidade e saúde a todos .
    Nação Rubro-Negra Feliz ano novo.

    Curtir

    • Lacerda, nesta temporada ele foi fraco realmente, mas ano passado ele jogou muito ao lado de Leonardo Silva. Agora ele tem seu lado bragueiro mesmo como em 2007 e nas botinadas deste ano. Às vezes é muito violento nas jogadas e desatento, mas tbm tem qualidades.

      Curtir

  12. Fábio Costa, integrante da seleção acima, fez até gol contra naquele jogo contra o Atlético Mineiro. Ele, juntamente com Felipe, este que nos mandou à terceira divisão, deveriam definitivamente serem banidos de qualquer citação que envolva ex atletas do clube.

    Curtir

    • Eu sou chato para caramba, sou muito criterioso e para mim ser destaque numa Série A como Artur em 1999, em que o time foi semifinalista, vale muito mais do que ter sido vice-campeão da Série C. E se você forçar a memória saberá que Leandro Domingues só jogou pra caralho no Octagonal da Terceirona. Nas outras fases foi bem mediano, ou seja, oscilante.

      Curtir

  13. Realmente Fabio vc colocou a ”nata” ou seja tudo de bom que passou pelo ECV nestes dez anos realmente so faltou o titulo brasileiro ou por falta de sorte ou por impossicoes mirabolantes do Srº PC mais tá é bom ver textos como este que mostram que o vitoria nunca foi um timinho qualquer parabens mais uma vez.

    Vitoria Forever

    Curtir

  14. Tiraria o Allan Dellon e colocaria o Indio, tiraria também Preto Casagrande e colocaria o Cleber que veio do Sport.

    tambem colocaria o Apodi nas suas melhores fases no lugar de Baiano.

    Tiraria Artur e colocaria o Tuta 99

    Caro amigo, Allan Delon continua sendo o maior artilheiro do Barradão com 60 gols marcados. Nas temporadas 2001/2002 só deu ele, o Santos quis levá-lo em 2003, PC não vendeu e o cara jogou a carreira no lixo. Indio fez muito menos que Allan Delon em termos gerais, pois AD ainda se destacou na Série A e Indio se apagou na B. Por isso a minha escolha. Além disso, Artur era meia e Tuta centroavante, eu coloquei Artur como meia armador e Tuta jamais iria render nesta posição, concorda?

    Curtir

Deixe aqui o seu comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s