Tal qual o ditado de Abrantes, o Vitória segue a passos desmotivantes

Mendigo da Bola, esta é a caricatura que expressa o Vitória de AP/CF.

Mendigo da Bola, esta é a caricatura que expressa o Vitória de AP/CF.

Nem mesmo a eterna renovação das esperanças a cada Natal e Reveillon afetam a mentalidade de quem gere o Rubro-Negro baiano. Foram prometidas 7 contratações para serem apresentadas em conjunto com o restante do elenco no dia 05 de janeiro e já estamos no dia 07 e só chegaram 4 jogadores. A primeira mentira do ano.

Aventou-se a contratação de um jogador destaque da Série B e Nordestão das temporadas 2013 e 2014, Ricardinho, do Ceará, mas Carlos Falcão e cia não sabem negociar, acertaram tudo com o jogador primeiro e depois foram ao Ceará, que pediu um valor exorbitante e nossos “gênios” não tem o mesmo Know-How ou a persistência de Paulo Carneiro.

As quatro contratações feitas até agora não empolgam. Talvez a volta de Neto Baiano, por ser um atacante que tem história no Clube, sendo o maior goleador de nosso Santuário, com vários golaços nos clássicos, e provocações ao lado de lá também. Mas vendo o resto do elenco, a gente se lembra da tétrica campanha durante todo o ano, jogadores preguiçosos, sem brio, sem determinação e garra. Não vimos futebol ano passado. Aliás esta é uma marca das gestões AP e CF. Estão tirando o brilho do clube e o prazer do torcedor em sair de sua casa e ver os jogos nas arquibancadas.

Cadê aquele Vitória aguerrido, veloz, de contra-ataques letais aos adversários? As últimas vezes que vi um elenco com tais características foram em 2007, 2008, 2012 e em 2013…Notem que até Portela conseguiu, em um ano ou outro, montar um time alegre, empolgante. Carlos Falcão destruiu tudo em 2014 e parece que vai seguir nesta mesma toada neste ano. Nem vou explicar muito a saudade que tenho dos anos de 1997 a 2004, quando a gestão passada nos brindava todo começo de ano com jogadores de alta qualidade como Bebeto, Petkovic, Túlio, Edílson, Vampeta, Chiquinho, Russo, Cléber Santana, Magnum, etc.

Hoje o Clube, através da atual gestão, não consegue tirar um destaque de um rival da região Nordeste…Desiste de qualquer jogador quando percebe que há outro clube interessado, mesmo que este clube seja um CSA, por exemplo. Lembro que o Vitória tirou Petkovic do Real Madrid, com o Borussia Dortmund já sondando e se sentando com o jogador. E de Bebeto, que após 3 anos do Tetra Mundial, estava sendo cotado no Flamengo, Corinthians e Botafogo e pintou aqui em Janeiro de 1997!!! Quanta diferença!

Quem mais faz a torcida (principalmente quem tem mais de 30 anos) a ter saudade da época PC é a própria gestão atual, pois não inova o clube. Não dá um outro upgrade na agremiação, não investe em jogadores de qualidade, não foca grandes conquistas, se comporta como um time de Série D nas negociações, acha que não pode disputar jogador algum contra qualquer time, tem medo de arriscar, prefere gastar R$ 200 mil em 4 jogadores ruins de R$ 50 mil, do que em 01 atleta de R$ 200 mil, de alta qualidade.

Realmente, o Vitória agoniza com esta Turma dos “Pés no Chão”. A cada dia fica difícil eu ter ânimo para manter este blog, trazer as notícias e opiniões acerca do clube, pois eu começo a ficar repetitivo. Queria tanto estar animado, poder elogiar estes caras, mas eles fazem de tudo para ficarmos negativos, reticentes e pessimistas. Até o fato de ser sócio-torcedor anualmente, estes caras conseguiram tirar. Ainda não renovei meu SMV e estou seriamente pensando em ficar afastado nesta temporada. O ano passado foi muito decepcionante, marcou (e negativamente) demais minha vida de torcedor.

A gente tem que acreditar em dias melhores, que vamos voltar a ter alegria este ano, mas pelo andar da carruagem está por vir mais um ano tenebroso.

SRN

Anúncios

71 respostas em “Tal qual o ditado de Abrantes, o Vitória segue a passos desmotivantes

    • Algumas perguntas: Estava jogando? Fez quantos jogos no Japão? Qual a idade? Quanto vai ganhar? Tem que analisar tudo isso.

      • Esse jogador é caro e praticamente nada jogou no Botafogo em 2014. J. Wagner conseguiu não ser aproveitado num time que acabou rebaixado no Brasileirão e por isso voltou pro Japão, pra mim isso é um péssimo sinal!

      • Roger penso igual. Mas, não posto logo para não acharem que eu sou chato. Jogador caro, em fim de carreira, Ao que parece não era titular no Japão também. Se vier vai fazer uns golzinhos em uns timecos e a mídia vai colocar lá em cima. Se contratarem você vai ver dito lopes e juju enaltecendo.

      • Marcelo, Tomas (do Boa Esporte) está dando sopa (até o Botafogo com seu teto salarial minúsculo de 50 mil reais correndo atrás) e o Vitória atrás de jogador em fim de carreira como J. Wagner, isso não tem cabimento! Thomas é meia atacante e sei que estamos atrás de um meia de criação, mas ainda assim antes ter um meia atacante jovem, com gana de vencer e isso depois de ter feito uma boa temporada em 2014 do que um meia de criação lento, em decadência, caro e identificado com o rival!

  1. Na verdade, acho que a questão do estatuto é prioridade em nosso clube.

    Somos administrados do mesmo modo que há 50 anos atrás.

    O Corinthians/ Flamengo/ Internacional (e até mesmo a carnicinha de itinga) alteraram seus estatutos.

    Acho que a eleição direta seria positiva, mas o principal é termos representantes da(s) chapa(s) vencidas no conselho para fiscalizar as atuações do gestor.

    De fato, não posso fazer muito além do que ficar sentado.

    Moro distante e nosso plano de associados é uma afronta a inteligência para quem mora longe.

    Não tenho direito a entrada pelo plano e para adquirir o ingresso pelo valor de meia teria que chegar em salvador 4 dias antes do jogo !!!!!!!!

    Ah, mais todos entram pagando meia !!!!!

    Pior, é o reconhecimento que o plano não vale nada.

    • Bingo ! “Acho que a eleição direta seria positiva, mas o principal é termos representantes da(s) chapa(s) vencidas no conselho para fiscalizar as atuações do gestor.” Como tenho comentado aqui, e já que você citou, o rival tem um conselho que sempre é oxigenado a casa eleição. Com isso as correntes divergentes surgem e quem ganha é a democracia. O melhor tipo de eleição é a direta, na minha opinião. O único clube que tem este tipo é o rival. Os outros são eleições indiretas, ou seja, o conselho escolhe duas chapas e os sócios votam nos candidatos. Este último tipo, “oxigena” mais devagar o conselho. Muitos ficam brincando, falando que um aventureiro poderia assumir, mas prefiro muito mais a democracia a um conselho de apaniguados que dizem amém para tudo. Meu caro, amigo os cupins só sairão do nosso time com uma intervenção. Se eles alterarem o estatuto vai ser para manobrar e ficarem no poder. Pode escrever. Tem que haver uma intervenção!

  2. Sinval Vieira entende de futebol. No cartão verde da TVE, só aprovou as contratações de Amaral e Neto baiano. Malhou vander e falou que Neto Coruja é nosso melhor cabeça de área, mas só anda no DM.

    • haaa sinval vieira é aquele que passou 10 anos no vitoria e foi campeao brasileiro e compeao da copa do brasil, ééé grande velho,novo sinval vieira, como dizzz a musica, vc com microfone na mao é um bicho ferroz é sim…, e nao me venha com baianao

  3. vitória fez um jogo treino no Barradão contra o leonico e venceu por 6×0… doisgols de Euller, dois de Rogério, um de mansur e um de vander…

    • Sinceramente este tipo de amistoso atrapalha mais do que ajuda. Vi a entrevista do técnico fazendo elogios a Vander. Amistoso engana trouxa. A única coisa que serviu este amistoso foi ver que o campo de treinamento um reflete a gestão atual: total abandono!

      • Se o campeonato baiano é engana trouxa, imagine esse amistoso…

  4. Gostaria de fazer algumas reflexões sobre pontos de vista lançados neste blog:

    I. Série b e contratações modestas.

    De fato, na série b e fora do eixo, o clube não tem como realizar contratações de destaque.

    O problema é que fizemos contratações contestadas.

    O que seria melhor:

    Leo Gamalho e Pimpão (destaques da série b 2014 com 27 gols juntos) ou Rogério e Neto Baiano que tiveram série a apagadas ???

    Talvez, em relação a Neto Baiano, tenha uma história e identificação com o clube, mas pessoalmente sou prático.

    Será que, após 30 dias do término do brasileiro, não tivemos tempo de observar os destaques da série b 2014 para tentar contratar um bom meia ????

    Saimon é uma incógnita.

    Amaral, no meu entendimento, foi uma contratação positiva.

    Todo time precisa de um volante pegador e não tínhamos ninguém com essa característica no elenco.

    Acho que precisamos é de outro.

    Ricardo Drubsky, no meu entendimento, é uma boa opção.

    Vander é jogador de altos e baixos mas, ainda assim, no atual cenário do futebol brasileiro e do vitória, acho que deve mesmo é ficar.

    De qualquer modo, apesar de resignado, espero uma boa surpresa.

    II. Campos de treinamento do Vitória.

    Interessante a observação.

    Depois, alguns iludidos dizem que temos uma das melhores estruturas do país.

    Temos não.

    É só observar a estrutura do grandes (São Paulo/ Cruzeiro/ Internacional) nos sítios virtuais.

    Ficamos atrás (e muito atrás) da estrutura de medianos como Coritiba/ CAP/ Figueirense/ Avaí.

    Acho que esta conversa de construir 7 campos deveria ser esquecida.

    Melhor termos os 3 em boas condições e mais um de grama sintética padrão fifa para todas as categorias de base até o sub 17.

    Economizaríamos água e manutenção.

    III. Estatuto.

    Alguma novidade da nova comissão de notáveis que estudam mecanismos de modernização do estatuto.

    Fora Falcão.

    Pior que Portela/ Pior que PC/ Pior que Ademar Lemos.

    Todos esses tem aspectos positivos a serem destacados.

    Falcão não.

    • Sente e espere o estatuto ser mudado. Quando mudarem vão fazer de forma a não saírem. Só sairão com intervenção.

  5. Eu acho que o elenco do Vitória está na medida da expectativa para o trabalho do grupo que está à frente da gestão do clube. Expectativas baixas, contratações modestas… Minha impressão é que o futebol brasileiro mudou sua dinâmica a partir da Lei Pelé, e nosso clube não conseguiu se encaixar nessa nova realidade. Nossa divisão de base se deteriorou e acho excessiva a valorização dessa moda do “executivo de futebol superstar”. Só no ano passado foram 3 no Vitória. A imprensa elogia muito o Anderson Barros (e tomara que ele dê certo), mas me incomoda a ausência de formação executivos baianos realmente identificados com o clube. O que acontece que não podemos ter ex-jogadores do clube exercendo essa função?

    Por fim, estava vendo o Globo Esporte hoje, e passaram imagens do treino no Centro de Treinamento. Que desgraça de gramado é aquele?! Parece o Adauto Morais!!! Para um clube que já teve planos de fazer CT com 7 gramados de treinamento, não conseguimos dar conta de 3… Dá dó ver aquilo, deve ter algum tricolor infiltrado nessa direção…

    • Comentário pertinente. Assistindo os programas esportivos ouvi marinho e san martin falando bem de anderson barros e elogiando as contratações do vitória. Fiquei me perguntando em que mundo eu estava. Nada contra a.barros, parece ser um bom profissional. Mas, como você destacou, ele não é um super heroi que vai resolver tudo. Também percebi o campo de treinamento. Ridículo. Nossas divisões de base em que pese os títulos importantes , não revelam mais jogadores nível série a. é preocupante nosso futuro.

      • Boa,
        Não é que não revele so não consegue manter.
        Ouço o programa de Renato Lavinie e ele fala sempre que vem os riquinhos do eixo e tira varios jogadores da base do Vitoria.
        Inclusive o Vitoria ja deixou de participar de competições por esse motivo.

  6. meu deus só no Brasil mesmo! olha aí a apresentação do caça rato no remo. com status de pop-star. aeroporto cheio e centro de treinamento para receber o cara.

    • P.s. Não tô dizendo que era para contratar! Apenas estou chamando a atenção para o nível da contratação!

      • Wescley e W. Batoré são jogadores úteis para a série B. O Ceará está armando uma equipe interessante.

    • Não consigo entender esse amor de alguns por esse Batoré, jogador comum que teve uma passagem mediana por aqui, é o mesmo caso do Fábio Ferreira que jogou bem há 5 anos e pedem como se fosse solução sendo que ele não jogou nada desde que saiu daqui.

      Neto Baiano tem 88 gols em 126 jogos, com esses números ele seria ídolo até no Real Madrid, mas pra torcida do Vitória ele é ruim…

      • Roberto, ele jogou aqui em 2012 no acesso à serie A, teve bons momentos no Vitória, inclusive fazendo dupla com Elton, os dois fizeram vários gols na série B, no fim Willian foi um dos poucos que a direção tentou renovar, mas o atleta pediu muito e não ficou.

      • Melhor do que Rogério é sim. Para série B é um bom reforço! O nome dele inclusive já foi ventilado aqui no fórum por outras pessoas. Fez uma boa série B ano passado!

      • Esperemos então esse ano pasar pra vê quem tá certo. Espero que eu e Marcelo estejamos errados e que Rogério jogue mais que Willians (que fez 8 gol e 7 assistências em 33 jogos na série B).

      • Tá certo! Como Roger falou, vamos aguardar. As duas últimas temporadas de Rogério foram pífias: Náutico e Bota. Enquanto W.Santana fez uma boa temporada pelo América-MG. Não é porque ele foi para o rival que vou mudar minha opinião. Se a diretoria do Vitória não tem capacidade para trazer os melhores da série B é outro problema. Aguardemos.

    • P.s. Não tô dizendo que era para contratar! Apenas estou chamando a atenção para o nível da contratação!

  7. Aí o Bolivar se destaca mt na libertadores e o jogador que se destaca é Arce, mas o vitória vai tentar trazer o outro meia… custo menor e etc… Pode dar certo, mas Pq apostar numa posição que estamos com problemas há anos? aí o demente do gestor fala que tem uma lista com 100 nomes… e Pq não consegue trazer apenas 2???

  8. W. Henrique e seu empresário, ao vivo na transamerica, estão denunciado a panelinha do ECV em 2014 que culminou com o rebaixamento do clube, Juan é colocado como o principal responsável, outros que fizeram corpo mole ainda não foram citados, W. Henrique está com receio de citar os demais.

      • Eles disseram, W. Henrique e seu empresário, que teve jogadores no ECV que fizeram corpo mole e que Juan se achava o dono do time querendo que tocassem pra ele o tempo todo, falaram que o ambiente interno estava rachado e que enquanto alguns queriam jogar e tirar o Vitória do rebaixamento enquanto outros não estavam ligando e fizeram corpo mole. Foi relatado um epsódio no qual após W. Henrique ter entrado no segundo tempo e ter feito boa partida, inclusive gol (no jogo de ida contra o Conquista na semi final do baiano), Juan no vestiário foi pra cima dele reclamar de não ter recebidos bola de W.H. na partida, não cheguei a entender se eles chegaram a vias de fato nessa ocasião. W. Henrique vinha sendo assediado por Juan para mudar de empresário, para ser agenciado por Uram, empresário de Juan, após as negativas de W.Henrique ele começou a ser minado, não recebendo mais bolas nas partidas de Juan e de alguns colegas nas partidas. Era notório que o Vitória nas últimas quatro partidas, quando só dependia dele, não jogou como um time que precisava dos resultados, eu já desconfiava que teve algo de errado nesse sentido em 2014, os jogadores não estavam fechados, a falta de comando no ECV em 2014 pra mim foi o principal problema, mas o culpado maior disso continua, Falcão, assim ou ele muda a postura ou iremos ficar fadados a isso, a sermos comandados por jogadores descompromissados!!!

    • Lembram que eu falei aqui? Postei várias notícias do histórico de lesão dele. Já diz o ditado: “laranja madura na beira da estrada…”. Nenhum grande clube quer ele. Por que? Simples, este jogador vive sempre no DM. Eu avisei! Até agora minhas previsões se concretizaram. Vamos para frente.

  9. O Botafogo que até pouco tempo estava numa profunda crise financeira e que terá uma folha salarial limitada ao valor de 1 milhão e meio de reais para a série B (igual à nossa no 1º semestre) está contratando quase todos os destaques dessa competição em 2014, são eles: Alisson (jovem zagueiro, atuava pelo Paraná), Rodrigo Pimpão, Bill, L. Gamalho e agora Pimentinha. Dos quatro atacantes medianos do nível de série B que disse que o Vitória poderia contratar três deles foram para o Botafogo ou Bahia (R. Pimpão, Pimentinha e W. Santana). Nenhum desses atletas são sumidades ou certeza de que darão resultado, mas são jogadores que mostraram alguma qualidade para jogar a segunda divisão, mas a direção do Vitória não viu isso. Diante disso só me resta acreditar que o clube trará jogadores de maior qualidade ou que A. Barros e Falcão são muito incompetentes.

    • Roger, você é o cara. Lembro de você falando desses jogadores, principalmente de W.Santana, que você citou quando o Vitória contratou Rogério. Concordo contigo, ele não é nenhuma “Brastemp”, mas se destacou ano passado na série B. Jogador de força que compõe muito bem o meio campo e chega no ataque. Ainda por cima conhece o futebol baiano e é jovem. Mas, evito ficar falando aqui para não achar que estou exaltando o rival. Perdemos a oportunidade. Depois vão aparecer muitos aqui nos criticando, dizendo que é um jogadorzinho. Mas, como você falou, pelo visto nossa diretoria vai trazer alguém bem melhor. Vamos aguardar.

      • Marcelo, se bobear a gente aqui da casa conhece mais do mercado do que eles, você disse que gostava de Pimentinha, Abbehusen citou Gabriel Xavier como bom jogador, mas só quando equipes como o Botafogo, Bahia ou Ceará contratam esses atletas é que todos percebem que eram contratações viáveis e que a direção deixou passar. Só foi o Bahia falar que tem interesse no volante Souza (do Cruzeiro) para o ECV demonstrar interesse (é o que dizem), a mesma coisa aconteceu com Ricardinho (do Ceará), o pessoal que dirige o Vitória parece perdido, vai atrás do que o rival quer, sendo assim espero que o Bahia demonstre interesse em Rodriguinho (do Corinthians) e Gabriel Xavier (da Lusa) pra vê se Falcão e Cia demonstram interesse e contratam esses atletas.

    • São jogadores que realmente foram bem no ano passado. Mas quem garante que irão bem aqui? Contratar por contratar é fácil. Trazemos todos dessa lista aí, não vão bem, aí vem os defensores da base e dizem; por que não deram oportunidade a esse ou aquele? Realmente é muito difícil jogador vir e termos a certeza de resposta positiva.
      Tomemos como base algumas equipes equivalentes a nossa. Atl/PR, Goias outras da série B…, não tem jogadores de re-nome, usam bastante a base e contratam jogadores desconhecidos, e nem por isso andam passando vergonha. Podem notar, quando esses desceram pra série B, sempre tinham em seus elencos alguns jogadores de nomes, com a vida ganha. (Podem notar, ao término das partidas em que fomos derrotados, esses ficam de papo e sorrizinho com os colegas das outras equipes como se nada tivesse acontecendo, como se estivéssemos nas cabeças da tabela. aliás o único que parecia incomodado é Richarlysson).
      Equipes como; Atl/PR, Goias outras da série B…, a partir do momento que começaram a valorizar e investir em suas crias e em jogadores desconhecidos, formaram equipes de operários comprometidos.
      Defendo que temos que buscar jogadores tecnicamente diferenciados que não sejam badalados. Ter um staff que trabalhe nesse sentido, a busca constante por valores desconhecidos.
      Temos provas de várias equipes que tiveram grandes nomes em seus elencos e não deram certo. Ano passado tínhamos no elenco jogadores que pelo nome jogam em qualquer equipe no Brasil. E onde paramos? Esse tipo de jogador só quer ver a conta corrente no final do mês e tocar a bola pro lado, não tem nenhum compromisso com o clube. Claro que na base existem alguma exceções negativas como Wilie que tem oportunidades e só quer barca, Vander da mesma forma. Existem tambem os caso de jogadores da base que não tem uma sequência de no mínimo 5 partidas dentro da equipe, vide Arthur Maia. Desafio alguem que me prove que Maia jogou 5 partidas seguidas como Marcinho enceradeira no ano passado.
      Acredito que o erro da diretoria alem de contratar errado, não tem pulso pra mostra que todos são empregados do clube e devem satisfação a nós torcedores e a eles que pagam.
      Como pode o Sr. Ney Franco(ou qualquer treinador) ter carta branca pra fazer o que bem entende com o time? Escalar jogador de sua preferencia, sem nenhum critério técnico.
      Vou sitar dois exemplos; Marcinho vinha jogando pedra em santo, vem Luis Aguiar e faz uma partidassa contra o Nacional lá na Colombia. No jogo seguinte Marcinho de titular, o gringo entra, da um passe espetacular Dinei marca o gol(mau anulado), e o que acontece? No jogo contra o Cruzeiro o gringo nem relacionado foi. E a diretoria?
      No campeonato baiano Felipe da base faz um partidasso contra a Juazeirense(jogo que Jr. pipoca deitou e rolou em Ferrari), marca um golaço e o que ele ganha na partida seguinte? Fora da relação…
      É isso que me desmotiva, a falta de conhecimento de futebol e pulso para tratar certos desmandos dentro do clube.
      Em fim, futebol é algo muito sujo, muitos interesses envolvidos, não é simples como achamos ou queremos. É jogador sendo escanteado para ser negociado e mostrar seu valor em outra praça com empresários e treinadores ganhado em cima… É muita sujeira envolvida pra eu perder meu precioso tempo.
      Me reservo a assistir as partidas pela TV e comemorar a bola entrando na rede.
      Já estou fazendo muito…

      • Caro Ricardo, você está certo. Há uma margem de erro em qualquer contratação. Mas, qual a contratação com maior margem de erro: Williams Santana que fez uma boa série B pelo América-MG ou Rogério que fez apenas um gol no ano todo? Sendo que Rogério vem caindo pelas tabelas desde o nordestão que ele disputou com o Náutico!

    • Roger, esta é a verdade. A política de contratações do Vitória hoje é: Aonde a vaca vai o boi vai atrás. Basta o rival se interessar por algum jogador que a diretoria vai atrás também. Os caras não têm iniciativa!

  10. Esse é um ano que as diretorias de times de futebol gostam:

    SE PERDER O ESTADUAL, resposta da diretoria: “A prioridade é a serie B”
    SE PERDER A COPA DO NORDESTE, resposta da diretoria: “A prioridade é a serie B”
    SE FOR ELIMINADO PRECOCEMENTE DA COPA DO BRASIL, resposta da diretoria: “A prioridade é a serie B”.

    e nisso um monte de torcedor apaixonado cai na conversa desses caras.

  11. Perfeito Fabio, principalmente nas duas frases: ” Estão tirando o brilho do clube e o prazer do torcedor em sair de sua casa e ver os jogos nas arquibancadas” e ” Quem mais faz a torcida (principalmente quem tem mais de 30 anos) a ter saudade da época PC é a própria gestão atual, pois não inova o clube”.
    Eu sou um deles. Assíduo frenquentador do barradão em outros tempos e sócio por muito tempo, hoje assisto em casa, por enquanto. Pelo andar da carruagem, acho que nem assistirei mais, como já aconteceu em 2014 em alguns jogos. É uma pena, mas essa situação se repete com vários amigos meus, todos ex sócios. SÓ VOLTO A SER SÓCIO QUANDO TIVER ELEIÇÕES DIRETAS.
    Sds rubro negras

  12. Pra que porra reintegrar Vander????
    Se Vander jogar bola eu digo que esse Ricardo Drubsky é O Cara!!!

    Souza que o Bahia está tentando contratar junto ao Cruzeiro é excelente jogador, desde quanto ele saiu do Palmeiras eu falava isso.

    Sobre as contratações meus amigos, sinceramente, o que vcs esperavam? Concordo com o Edson.
    Nós fomos 5º colocados no Brasileirão 2013, na última rodada não conseguimos a vaga na Libertadores, tínhamos um time ajustadíssimo, bastavam contratações pontuais de qualidade. o Que foi feito? Contratamos, Alemão, Josa e outros q nem vale a pena perder tempo. Agora estamos na merda, caímos p série B com uma Diretoria medonha, honestamente quem vcs esperariam como contratados? Os 3 até agora estão dentro dos padrões da realidade do Clube. Infelizmente.

    Não dá para ficarmos sonhando com tempos passados em que tiramos jogadores a ou b de times grandes etc… Nós não fizemos isso quando estávamos na crista da onda, quando estávamos na moda, agora q estamos na merda q isso não acontecer mesmo, nem os jogadores querem vir galera. Disputar a série B é perda de visibilidade pro cara.

    Sds

    • Você acha que souza vai deixar de jogar a série a , para jogar a série b? A dupla BAVI não tem cacife para isso. Ele estava ganhando 200.000!!!

      • Não sei Marcelão, só acho ele muito bom jogador e li hoje pela manhã q o Bahia fez proposta por ele.
        Pesquisando um pouco mais vi que Marcelo Oliveira não contará com ele p esse ano, mesmo ele ainda tendo contrato com o Cruzeiro. Não sei quanto ele ganha, mas para não ficar no preju pode ser q o Cruzeiro pague parte do salário dele.
        Abc.

  13. Onde eu assino? perfeita analise Fabio, rapaz nem as entrevistas desta diretoria empolgam, é um conformismo da zorra, parece que já anteverem como será o ano (mais do mesmo)

  14. Lembro que tiramos Russo, chiquinho e cleber Santana estourados no sport… adoison e Ney destaques do Paraná… hj não contratamos titular nem do papão na série c

  15. Sinceramente, eu não acho que as contratações estão tão ruins, esperava coisa pior. Neto Baiano já conhecemos e sabemos que pode ajudar, Saimon e Amaral são medianos, são bons jogadores a nível de Série B, a única contratação ruim foi Rogério.

    Temos que levar em consideração que o futebol brasileiro tá em recessão, não tem ninguém contratando, é só ver o Santos, Grêmio, Fluminense, São Paulo, tá todo mundo quebrado. Se os sulistas cheios do patrocínio e cotas de TV não estão pudendo gastar é o Vitória que vai? Infelizmente não temos bons trabalhos de olheiros como o Goiás e o Atlético Paranaense.

    Acredito que esse ano vamos depender bastante da base e a torcida vai ter que ter paciência, jogadores como Wellington, Léo Ceará, Euller e Marcelo podem render bastante se tiverem sequência.

    • Este é o problema do torcedor do Vitória, sempre esperando coisas piores. Não podemos nos comparar com os TIMES do Santos, Grêmio, Fluminense e São Paulo, e não digo isso porque acho o Vitória pequeno, digo isso porque eles não estão contratando, porque o elenco deles não precisa de renovação e sim de alguns reforços pontuais, nós não, nós precisamos reformular tudo, trocar praticamente todo o elenco que não ganhou NADA o ano passado e ainda foi rebaixado para a série B, temos que contratar sim e com qualidade se quisermos sair deste inferno da série B, temos que nos comportar como grandes porque senão vamos ficar aqui como pequenos, vai chegar o momento em que vamos justificar uma derrota para um timeco desses aí da segundona, dizendo que é porque é um campeonato difícil e competitivo, ora, nós viemos da série A caramba, jogamos o ano passado com o São Paulo, Internacional, Corinthians, vamos chegar agora e temer os times que estão aí? tem que partir pra cima , fazer time de qualidade como se ainda estivéssemos na série A, passar o trator por cima deles, esse tem que ser o espírito, mesmo porque a grana da tv é a mesma ainda, então porque não fazer time poxa, vai esperar a agonia do fim do ano pra trazer o salvador da pátria? quer sair do inferno fazendo economia? Não sai mesmo, tem que fazer das tripas coração pra sair , senão não sai mesmo, parece que não aprendeu com os erros do passado recente, vai pagar pra ver, se quer ser grande tem que agir como tal, chega de agir como o pequenininho, coitadinho, que precisa de ajuda, tem que ser grande por merecimento caramba, tem que ralar , faca nos dentes ,sangue no olho como víamos a um tempo atrás em nossos jogadores, sem temer ninguém ou qualquer estádio em que íamos. Desculpem o desabafo , mas eu cansei de ser pequeno, de me comportar como pequeno e não fazer nada pra mudar, ou vamos ser sempre isso aí, o time do futuro.

Deixe aqui o seu comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s