EM BUSCA DA CLASSIFICAÇÃO MILAGROSA

O Vitória pecou no jogo de ida da quarta fase da Copa do Brasil, na semana passada, e agora precisa correr atrás do prejuízo. Com 2×0 favorável, o Paraná deve jogar bem fechadinho esta noite e aproveitar de contra ataques nas costas de nossa defesa. Já o rubro-negro tem que fazer algo que ainda não fez no ano, propor o jogo desde o início, ter um enorme controle emocional e ao mesmo tempo sem desguarnecer o sistema defensivo. Marcado por ser um treinador adepto do futebol compacto, reativo e de contra-ataque, Argel terá o seu grande desafio no Vitória desde que assumiu.

Por conta do grande desafio pela frente, o treinador leonino, que costuma divulgar com antecedência a escalação do time, vai fazer diferente desta vez. Ninguém sabe qual vai ser a novidade, mas parece que ele está indeciso de ir no 442 ou no 433, além de usar Euller como ponta esquerda neste esquema e do reaproveitamento de Fred na zaga, para ganhar a arma da bola parada. O Vitória deve formar com: Fernando Miguel, Patric, Kanu, Alan Costa (Fred) e Geferson, Willian Farias, Uillian Correia (B. Ramires) e Cleiton Xavier,  Euller (Cárdenas), David e André Lima.

Já o Paraná Clube, do treinador Wagner Lopes, ainda tem dúvidas na escalação, sobretudo no meio-campo, pois o volante Leandro Vilela saiu machucado na última partida e Gabriel Dias estava com um hematoma. O provável time paranista será formado por Léo; Júnior, Eduardo Brock, Airton e Rayan; Gabriel Dias (Jhony, Leandro Vilela), Alex Santana e Renatinho; Robson, Nathan e Pedro Bortoluzo. 

Em 2012, Neto Baiano fez 3 gols em 15 minutos e Vitória eliminou o ABC, no Barradão.

Enfim, é uma missão muito difícil para o Leão da Barra, mas nada está perdido. Da mesma forma que o Paraná fez 2×0 aqui em 90 minutos, o Vitória tem o mesmo potencial de fazer este placar neste jogo decisivo. Além de que vitórias por 3×1, 4×2, 5×3 em diante nos classifica. Para a missão se tornar menos espinhosa é imperioso que o Vitória faça o primeiro gol logo nos 15 minutos iniciais e consiga terminar o primeiro tempo triunfando. Fazer dois a zero no primeiro tempo será perfeito e Argel deve enfatizar isso aos nossos jogadores.

O fato é que hoje tem que ser diferente de tudo que o time vem fazendo este ano, tem que partir para o abafa. Espero que o Vitória consiga ter este tipo de postura e consiga esta épica classificação, que nos remeterá àquela remontada contra o ABC, no Barradão, quando estávamos tomando 2×0 e nos últimos 15 minutos da partida, Neto Baiano mitou fazendo três gols e classificando o Leão!

Vitória Sempre!

#CopadoBrasil2017

#VamosClassificar

#BoteFé

FICHA TÉCNICA

Paraná x Vitória (Copa do Brasil)
Local: Durival Britto, em Curitiba (PR)
Data: 19/04/2017, às 19h30
Arbitragem: Ricardo Marques Ribeiro, auxiliado por Guilherme Dias Camilo e Pablo Almeida da Costa (trio mineiro)
Desfalques: Zé Welison, Kieza e Gabriel Xavier, todos machucados; Paulinho, suspenso. (Dátolo e Pisculichi estão em fase de transição no departamento físico)

Anúncios

48 respostas em “EM BUSCA DA CLASSIFICAÇÃO MILAGROSA

  1. Alguns companheiros culpam a falta de camisa, de raça, etc. Não acredito em nada disso. O que ocorreu foi falta de futebol mesmo. Ontem o Vitória precisava fazer história. E jogou muito pouco. Os problemas desse time estão sendo alertados desde o início do ano. Então, quando a equipe mais uma vez não consegue propor levando perigo não é novidade. Fui contra a renovação de Argel. Bati bastante e continuo batendo nas suas limitações. Mas sou contra demissão agora. De nada adiantaria. Após acabar as competições de 1 semestre, aí sim. Manda embora e traz um técnico mais alinhado com as características do elenco. A não ser que ele promova uma revolução nesses últimos jogos. O que acho difícil.

  2. Oscar, o que deixa o time grande são os títulos nacionais, não é só estrutura e títulos amigo nada mais que isso, se Paraná, criciúma e santo André tem foi porque na hora eles não amarelaram, foram lá e ganharam coisa que nosso time não teve capacidade até hoje de fazer nas decisões.

    • Paraná tem Série B e só. Não tem Brasileiro nem Copa do Brasil. Portuguesa também tem Série B. É grande por isso? Tá na Série D. Santo André e Paulista são grandes porque ganharam Copas do Brasil? Sabia não (by Marinho). Pois afirmo aqui que nem o Guarani, que tem um Brasileirão, é grande. Nem os outros: Paraná, Criciúma, Santo André e Paulista. Nenhum desses é grande. Nenhum. Podemos não ter nenhum título nacional, mas somos muito maiores que todos esses que citei. Basta olhar o ranking de clubes da CBF para perceber o que digo.

      • Esse complexo de ficar dizendo que somos grande acontece exatamente porque somos pequenos.

        Esta é a realidade. Torcemos para um time médio/pequeno, que, infelizmente, tem síndrome de lagartixa. Temos um potencial enorme. Temos história, uma torcida com número razoável, estrutura de regular a boa, base que volta e meia lança bons jogadores, situação financeira relativamente ajustada. O que nos falta? Título nacional!

        As duas chances que tivemos foram contra times quase imbatíveis, infelizmente.

        Mas não culpo a instituição Vitória e sim os seus dirigentes que o apequenam. Apoio a atual diretoria, que mostra que vem tentando fazer diferente da anterior, no que diz respeito à política de contratações. Mas, não dá para admitir Argel no comando.

        Estou quase torcendo contra o vitória no baianinho para que este cidadão seja prontamente demitido.

        O time é HORROROSO taticamente. Só na base do chutão. Duro de assistir.

  3. E a saga do revés continua, Basta um resultado negativo e a galera aparece. Trocar o time todo? Putz! Time sem camisa? Putz2! Cada uma que leio aqui que as vezes penso se realmente são torcedores do Leão.

    O resultado é triste pois acreditei que passaríamos para a próxima case, mas daí em diante sabia que não iríamos prosseguir pois iríamos pegar adversários de maior calibre e sou realista: Não temos time para ganhar a copa do Brasil, mas dava pra ir um pouco mais.

    Quanto a Argel ele tem a visão além do alcance (alguns aqui entenderão), mas está precisando calibrar pois enxerga um time que somente ele vê que está jogando bem, pra mim ainda falta muita coisa para esse time engrenar e não vou nessa pilha de que ninguém presta, tem que desmontar o elenco todo e blá blá blá.

    Precisaremos de um lateral esquerdo, um zagueiro e talvez outro goleiro. Talvez Argel saia caso comece a colecionar resultados ruins na série A que pra mim é o que realmente importa além do Nordestão.

    Bola pra frente.

    srns

    srns

    • Depois disso eu jogo a toalha, Sinval perdeu minha admiração. Pra mim enquanto Argel estiver aí nada vai mudar, pode até ganhar o baianinho o que é normal.

      • Sinval nunca me enganou…. “comentar = dar palpite” é fácil…

        Sinval Desatualizado, boleirão, acostumado a tapinha nas costas de atleta e de empresário (o mais grave)…

        Montou um time velho…. pode ganhar o baiano e a Copa do Nordeste, mas, com esse elenco, e principalmente com essa diretoria, com muito cacique, um querendo aparecer mais que o outro…. acho difícil.

        O presidente não existe… nem vai no Barradão…. e um bocado de neófito, que nunca mexeram com futebol, se achando os “revolucionários”, … patético…

        Esse patético, tá custando caríssimo…. é o que mais me preocupa… porque Sr. Sinval encontrou muito dinheiro em caixa….

    • Sobre o que disseram apos o jogo o nosso diretor Sinval e o “professor” Argel (#foraArgel), transcrevo aqui a celebre frase de Abraham Lincoln para que eles façam reflexão: ” Pode-se enganar a todos por algum tempo; pode-se enganar alguns por todo o tempo; mas não se pode enganar a todos todo o tempo.”

      • Interessante é como o discurso está homogêneo entre o treinador e o diretor de Futebol. Parece que o Vitoria ta comendo na mão de Argel desde aquela vitória sobre o galícia quando o assessor de imprensa do clube (ANDERSON MATOS) deu em primeira mão que Sinval Vieira teria demitido o treinador, o q foi desmentido depois pelo mesmo, a direção adotou um discurso de ta tudo bem, tudo planejado, o time ta jogando muitos jogos. Em pensar que Sinval berrava na rádio que muito jogo era que deixava o jogador qualificado agora é problema. Percebo agora que essa eleição foi muito na oba – oba de democracia e esqueceram de falar do futebol. Nunca na história o Vitória teve tanto dinheiro disponível para contratar e veja quantas deram certo. Sinval dizia que na base ninguém prestava. Pois então, já vendeu Marcelo, yan, nickson, ramom e ia vender david. Eu até acho que a safra da base não é tão boa, mas em comparação com jogadores trazidos por ele aturar geferson, pineda, Fabinho. Este grupo aí prometeu a torcida a Democracia e trouxe, mas vamos ver se na próxima eleição elegeremos alguma chapa que apresente planejamento de FUTEBOL pq estava claro nos discursos dos debates que futebol era o último problema desta gestão nova. Mas como sou torcedor do vitoria e apaixonado pelo time o que resta é reza e torcer para está errado com relação ao projeto deste grupo que agora administra vitoria

  4. Como é que o time do vitoria, perdeu para esse time do parana dentro de casa, olhando jogo ontem fiquei perguntado a mim mesmo o que que esse time tem que o vitoria não tem é lamentavel. Torcedor rubro-negro sofre. Acorda vitoria.

  5. O pior de tudo é ver meu amigo Sinval, em suas declarações apos jogo, ir na mesma linha de seu treinador. O Vitória não jogou nada, ou melhor não vem jogando nada desde o inicio da temporada. Achar que ser valente e determinado ganha jogo, eu digo que não. O que faz um time vitorioso é ter jogadores de qualidades, treinador que não atrapalhe o time no seu desempenho.

  6. Camisa nós temos,o que falta é jogador e treinador mesmo.
    Antes tinhamos mania de contratar ex jaias,agora é o Internacional a bola da vez,haja visto,
    avenidas Geferson,Alan Costa e vem mais um,Fabinho refugo de lá.
    Precisamos contratar lateral esquerdo e zagueiros urgente.
    Tomara que Dátolo, Pisculichi e Kieza se recuperem p os Bavis e que Deus nos ajude.

  7. Argel, depois do jogo de ontem, confessou publicamente que é incompetente ao declarar: “Geferson fez uma partida fantástica”. Se alguém tinha alguma dúvida sobre isso,não tem mais!

  8. #foraArgel, o time não consegue criar sem ser no chutão, ridícula a atuação. Joguei a toalha enquanto esse entregador de camisa permanecer.

  9. O vitória não tem camisa pra reverter situações advérsas. Paraná, Juventude, Criciúma, todos esses times ganharam copa do Brasil e tem mais camisa que o vitória. o problema não é treinador, essa instituição sempre vacila nas horas finais, nos momentos decisivos.

    • Depois dessa, vou dizer o quê? Um cara que se diz torcedor do Vitória dizer que Paraná, Juventude e Criciúma têm mais camisa que o Vitória. E ainda coloca como argumento que “todos esses times ganharam Copa do Brasil”. Paraná foi campeão da Copa do Brasil em que ano e século? Responde aí, por favor. Sinceramente, se o critério for esse, Paulista de Jundiaí e Santo André têm mais camisa que o Vitória por terem Copas do Brasil. Guarani de Campinas tem mais camisa por ter o Brasileiro de 78. Um título nacional nos falta sim, mas atribuir a isso mais camisa é o cúmulo dos cúmulos. Mas como tem muito torcedor entendido por aqui, vou ali tomar um litro de cianureto.

      • Ontem o time teve raça, garra, vontade, Ribeiro. Só que não fez os gols nos dois jogos. Teve oportunidades, principalmente no primeiro tempo do primeiro jogo. Tomou dois gols achados pelo Paraná e sucumbiu. Agora dizer que não temos camisa é demais. Um time que chegou em 1993 numa final de Série A, contra uma Seleção da Parmalat; depois chegou em uma semifinal de Série A, em 1999; depois chegou a uma semifinal de Copa do Brasil, em 2004; em uma final de Copa do Brasil, em 2010, contra um Santos com Ganso, Neymar e Robinho; depois chegou em 5º lugar no Brasileirão de 2013, sendo a melhor colocação de um time nordestino na era dos pontos corridos. Um time com 5 títulos regionais e 28 estaduais. Dizer que esse time não tem camisa, é inadmissível. É melhor quem falou isso trocar de time e torcer por algum que tenha camisa. Eu prefiro manter minha torcida para o único time que amo: Esporte Clube Vitória. Não será uma eliminação que diminuirá meu amor pelo Leão da Barra.

      • E aqueles que admiram o time rival, aquele que a torcida fica dizendo que é Bi, vejam que as chegadas em fases decisivas que coloco são todas muito mais recentes que as duas estrelas deles. Ganhando o Nordestão teremos 6 contra 2 deles. Então essas estrelas que possuem não diminuem o tamanho e importância da camisa do Leão. Podem chamar de “camisa lisa”, de “vice”, de “vicetória”, do que for. Isso não me faz sentir inferior. O rival nunca será referência para mim. E digo mais: se jogar pelo menos com a disposição do jogo de ontem, ganharemos todos os Ba-Vis do ano.

    • Penso assim tambem amigo..o problema não é treinador… O vitoria é uma marca q sempre vacila nas horas mais decisivas…muitos torcedores não enchega isso.

    • Melhor você virar paranista ou torcer por algum time que você acha que tem camisa. O que disse não muda em nada o que penso. Para mim só tem três times com camisa pesada no Nordeste: Vitória, Sport e Sardinha. Vovô, Fortaleza, Santa, Náutico, são muito menores que os três que estão na Série A. Olha o ranking de clubes da CBF. Olha onde está o Vitória e onde está o Paraná de Camisa que você parece tanto admirar.

    • Nada haver meu caro!! Sua declaração é completamente sem nexo. Você conhece realmente um pouco de futebol? Torce para o Esporte Clube Vitória?

  10. Rapaz, Argel falou na coletiva que geferson fez uma partida fantástica rsrsrs só rindo.
    Vocês que amam Argel pelos números ilusório, continue apoiando e chamando ele de argenio, esse cara é ridículo muito pífio o time em campo, acorda sinval Levir culpi, Marcelo Oliveira e PCC tão no mercado ainda, vai esperar perder baiano ou nordeste?

  11. Gostaria de pontuar duas coisas:

    O Vitória perder a classificação para o Paraná Clube é complicado (equipe modesta).

    Cair diante de uma equipe mais modesta é triste em todos os sentidos.

    O Vitória fez um jogo razoável no dia de hoje o que não diz muita coisa porque o adversário administrou 90 minutos sem maiores sustos.
    A disputa da Copa do Brasil seria, realmente, só um sonho.

    Uma equipe média, como o Vitória, só tem chances matemáticas no formato atual, uma vez que, se chegar nas fases finais, terá que enfrentar as equipes mais competitivas que estão na Libertadores.

    O Vitória fez algumas boas contratações, outras contratações ruins e duas contratações que, até agora, só reforçaram o Departamento Médico.

    Vai disputar título nacional com essa situação. Nem se fosse a série B.

    Começou a perder a classificação no ba x vi. Hoje, só foi a conclusão da tragédia.

    Dos três objetivos da quinzena, já perdemos o primeiro.

    Vamos ver os outros dois.

    Além dos 12 riquinhos, hoje (na última década), o Vitória está anos luz atrás de CAP e, até mesmo, do Sport Recife e Coritiba.

    São mais organizados, são mais estruturados e conseguem, em regra, equipes mais competitivas que a nossa.

    Esses são, fora os “riquinhos”, os únicos clubes que podem surpreender em fases finais.

    Futebol e economia são coisas diretamente relacionadas (Vejam a trajetória do Dynamo Dresden – outrora gigante da Oberliga (Alemanha Oriental) que, em 20 anos, disputou umas duas ou três temporadas pífias na Bundesliga).

    https://community.sigames.com/topic/302842-fm14-sg-dynamo-dresden-im-herzen-vereint/

    E nem adianta “bater o pé” de querer tirar todos os atletas e substituí-los.

    Com que dinheiro ?

    Será que vão trazer melhores jogadores ?

    E é fórmula para o sucesso ?

    Com ou sem contratações, no segundo semestre, o Vitória vai lutar na metade de baixo da tabela.

    Se tudo der certo vai conquistar uma vaga na sulamericana.

    O Paraná Clube fez isso na década de 90 e conquistou 6 títulos em 10.

    Em 2006, conquistou um estadual e, em 2007, disputou a libertadores, foi rebaixado e se acabou. Até hoje, atolado em dívidas em tentar viver “um sonho”.

    Enquanto isso, na década de 90, em 1995, o CAP fortaleceu sua estrutura com o “Atlético Total”, a construção do CT do Caju (em 95/ 96) a construção da Arena da Baixada entre 1997/ 1999 e anos sem conquistar o estadual.

    Enfim, não é a burrice de Argel em estourar o time em um jogo amistoso e não conseguir um padrão de jogo satisfatório com o atual elenco que deve tirar o foco do clube.

    Não tem como tirá-lo no meio das disputas do estadual e regional e competirá a diretoria decidir pela permanência (ou não) para a disputa da série a.

  12. A coletiva de Argel foi ridícula! Acrescentar que o Vitória foi de “encher os olhos” é demais!! É uma piada dizer que o Vitória massacrou o Paraná e o resultado não veio pq do goleiro. Chutou quantas bolas no gol?? Pra mim foi demais, chega de enganação com essa figura.
    A estatística que ele tanto arrota é fruto dos adversários que vem enfrentando, ou seja, times pequenos.

  13. O goleiro do Paraná não fez uma defesa, ou diria o Vitória não chutou uma bola em direção ao gol.
    O sonho acabou, agora só tem pastel.
    Infelizmente o Vitória nunca será grande. Perder a classificação para um time de segunda divisão não tem explicação é fuleiragem mesmo.
    Ridículo, tá na hora de repensar o time para o brasileiro por o primeiro semestre já foi.

    • Concordo! Já citei aqui que esse time o terá que ser desmontado,apesar de tão pouco tempo.Algumas peças não funcionam de jeito nenhum.
      Manda todo mundo pra rua!

  14. É ficou difícil, não temos um mísero jogador capaz de fazer uma jogada individual num toque de classe, é só chute pra ver no que dá. Patrick tá jogando uma bolinha do tamanho de uma gude, não acerta um passe.
    Se Datolo e Pischu voltarem bem podemos ter esperança, caso contrário o primeiro semestre estará perdido. Quem quiser acreditar que acredite (claro que a esperança a última que morre, vou torcer muito e espero estar errado, mas tá complicado).
    O time não demonstra ser capaz de fazer algo diferente.
    Argel tem que ser demitido o quanto antes, para ver se dá pra melhorar alguma coisa.

  15. Primeiro tempo de mais bufo-bufo, com David fazendo partida desastrosa.
    Fred, bem.
    Paraná só não decretou o fim por causa da atitude de se manter lá atrás.
    Não sei se o Vitória vai aguentar a correria, se o Paraná decidir sair mais.
    A ver…

    Abrçs

    • Ele não mostrou para que veio desde que chegou. Vai mostrar hj? Com esse futebol previsivel desse tecnicuzinho essa vai ser a primeira da.proximas eliminações.

  16. Jogo difícil, mas acredito na classificação se entrarmos no jogo focado e com disposição para ganhar ,assim os gols vão acontecendo naturalmente pra frente leão eu acredito .

  17. Acho que vai rolar 3-5-2 hoje, até porque Argel convocou 4 zagueiros pro jogo hoje. Acredito ser a melhor forma de agredir o Paraná sem ficar muito desguarnecido, libera Euller e Patric pra atacar e deixa Cleiton Xavier de segundo volante pra auxiliar na saída de bola, o Barcelona fez isso contra o PSG e se deu bem, podemos repetir a dose.
    Minha maior preocupação é com o físico, o que eu vi nos últimos dois jogos foi preocupante, mas esperança é a última que morre.

Deixe a sua opinião

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s