Vitória vence Atlético-GO e respira no Brasileirão

Não foi na mesma pegada do último domingo quando enfrentamos o Bahia, mas o Vitória conseguiu o resultado positivo, isso que importa. Se no clássico dominamos e impomos nosso ritmo de jogo e saímos com um empate em 0x0, desta vez, o rubro-negro sofreu com a pressão do Dragão Goiano, mas foi mais eficiente nas finalizações e venceu por 2×1, saindo momentaneamente da zona do rebaixamento. André Lima e Uillian Correia fizeram os gols do pequeno alívio para o Leão da Barra.

Primeiro Tempo – Também em péssima campanha na elite do futebol nacional, o Atlético-GO mostrou que estava muito disposto a retomar o caminho das vitórias na tarde de ontem no Estádio Olímpico de Goiânia. O anfitrião se jogou todo ao ataque e aproveitou as costas de nossas laterais, sobretudo no lado de Thallyson, conhecido por ser um péssimo marcador. Não foi a toa que os principais lances dos goianos foram em cruzamentos para a grande área e, por sorte nossa, o atacante Everaldo não estava inspirado. Ele perdeu duas grandes chances em cabeçadas que não assustaram o goleiro Fernando Miguel. E como diz o filósofo Muricy Ramalho “a bola pune”. O Dragão pagou caro por não ter aproveitado as chances criadas no começo da partida e aos 36min Patric lançou na área para Cleiton Xavier, que dominou com classe, e serviu a André Lima estufar as redes. Vitória 1×0. E meu Mussurunga Diamonds (time 2 do Cartola FC, agradece!!). Depois de nosso gol, o jogo mudou e passamos a ter maior volume de jogo e no finalzinho David fez grande jogada pela esquerda e acertou a trave num chute violento.

Segundo Tempo – No intervalo o técnico Alexandre Gallo deve ter tomado o comprimido da retranca, pois a postura do Vitória foi só de se defender. Para piorar, aos 7 minutos Willian Farias sentiu o joelho numa disputa de bola e saiu do jogo. O técnico escolheu o zagueiro Fred para substitui-lo. Antes disso, o meia Yago já tinha sido trocado pelo volante Uillian Correia, ou seja, passamos a ser mais defensivo ainda. O Dragão voltou a crescer na partida e de tanto rondar nosso campo de defesa, conseguiu o empate aos 23 minutos, quando Bruno Pacheco cobrou escanteio, Everaldo desviou de cabeça para Andrigo, camisa 11, soltar o rojão. Vitória 1×1.

Forçado a colocar Rafaelson depois da lesão de André Lima para manter o esquema com um homem de área, o Vitória viu o time goiano ameaçar a virada, com boas jogadas do gordinho Walter e dos laterais Jonathan e Bruno Pacheco que sempre que podiam faziam o chuveirinho em nossa área. Numa destas jogadas, o Atlético acertou a trave numa cabeçada, assustando o goleiro Fernando Miguel. “A bola pune 2”. Tal qual o primeiro tempo, quando no momento em que esteve melhor, o Dragão pagou caro por não ter feito o segundo gol. Aos 42 minutos, num ótimo contra-ataque, o Vitória selou o triunfo, quando David fez uma boa jogada pela direita e cruzou rasteiro para área, Rafaelson fez o corta luz e a bola sobrou para Uillian Correia, que com categoria e raiva, dominou a pelota e soltou um canhão sem chances para Felipe Garcia. Vitória 2×1.

O futebol é mesmo muito contraditório e misterioso. No dia em que encurralamos e dominamos de cabo a rabo o maior rival, o placar foi de 0x0 e ontem quando fizemos uma partida muito fraca, com pequeníssimos momentos de superioridade, sendo dominado e atacado por mais de 70% da partida, saímos vencedores pelo placar de 2×1. Ótimo resultado o de ontem, pois além de voltarmos a vencer fora de casa, o triunfo foi sobre uma equipe concorrente nesta maldita luta contra a despromoção. Além disso, quebramos um tabu de 17 anos sem vencer em Goiânia pela Série A (a última vez foi no ano 2000 quando vencemos o Goiás por 5×4, com show de Allan Delon, que fez três golaços naquela ocasião)

VITÓRIA SEMPRE!

Anúncios

42 respostas em “Vitória vence Atlético-GO e respira no Brasileirão

  1. Esse negócio de “fulano gosta do ECV é piada”.

    David Luiz parece ter respeito pela agremiação em seus posts em redes sociais e nem por isso faz o favor de jogar no ECV.

    Elkesson não demonstra nenhuma vontade de voltar ao ECV (e só fosse ele também não teria em razão de vaias sistemáticas em alguns jogos).

    Agora, Marquinhos / Escudero/ Tufão gostam do ECV (e tem que gostar mesmo).

    Curtir

  2. Após um início de ano bisonho, o ECV tem apresentado um futebol competitivo.

    Não se trata de otimismo ou ufanismo não.

    Pessoalmente, na segunda rodada, considerava a chance de rebaixamento superior a 95%.

    Hoje, no meu entendimento, a chance de rebaixamento é de 50%.

    Então, é um avanço.

    Alexandre Gallo, longe de ser um dos preferidos, tem conseguido armar o time com razoável competência.

    O problema é que o elenco é limitado e as lesões em sequência tem atrapalhado.

    Pet tem demonstrado alguma habilidade em organizar o futebol.

    Fez certo em priorizar determinadas categorias da base em razão da legislação trabalhista e o calendário das competições.

    Acho que deve pensar em instituir o sub 23 sim (ainda que para disputar torneios amistosos a maior parte do tempo).

    Conseguiu rescisão com alguns atletas, tem negociado a saída (com o ingresso de receitas em outros casos) e as contratações para seguir algum critério.

    O problema é que, com o orçamento estourado, a tarefa ficou complicada.

    Hoje, é lutar para vencer o Vasco.

    Não é fácil.

    Acho o Vasco um time perigoso e bem armado.

    Curtir

  3. motivado pelos comentários de Bruno e genuveva logo abaixo, completo dizendo que para contratar é preciso, sobretudo, o critério do desempenho atual. Jogadores com boas atuações na atualidade. Hoje em dia inventaram um critério de contratação, que eu chamo de “GOSTÍSSMO”. do verbo “gostar”. “fulano de tal gosta do vitória”, “ciclano de tal gosta do vitória”, e mesmo o tido “torcedor”. “ele torce pro vitória”, “ele ama o vitória”. E aí vem um monte de bomba dar prejuízo técnico e tático ao nosso clube, além do financeiro. Torcedor precisa acabar com essa “Frescurite aguda” de ter paixão por jogador.

    Curtir

    • Te digo mais Leandro ! Isso é costume no futebol brasileiro !

      Lá fora, as coisas estão “superprofissionalizadas” , apesar que o poder de fogoR$
      conta muito em times da Premier League por exemplo.

      Mas você consegue enxergar “supertimes” pequenos, com um desempenho e padrão de jogo impecáveis.

      Não “passam batido” os jogadores com bom desempenho e não deixam de ser valorizados como acontece aqui no Brasil.

      Eu enxergo isto como uma oportunidade na verdade de sairmos na frente destes clubes daqui e trazer um novo patamar pro clube.

      O Eibar fica de exemplo na Espanha.

      O Leicester e o Southampton são os exemplos na Inglaterra.

      O Red Bull Leipzig (Um clube comprado pela Red Bull odiado pelos alemães, mas com investimentos mega-profissionais), é o maior exemplo de todos.
      Vai disputar a Champions este ano.

      Curtir

  4. No GE foi analisado o desempenho de Correia na função de volante e chegou-se à seguinte conclusão:

    “As críticas do volante ganharam repercussão, mas não necessariamente correspondem à realidade. O líder de desarmes no Vitória até a 12ª rodada da Série A, de acordo com o scout do GloboEsporte.com, é o zagueiro Fred, com 82 recuperações de bola. Ele é seguido por Kanu, 51, e Patric, com 35. Correia aparece apenas na 10ª posição do time rubro-negro, com 13 desarmes.
    Os números diferem dos do Footstats, mas o resultado é parecido. No site de estatísticas, Willian Farias é o rei dos desarmes no Vitória, com 26 recuperações de bola. Uillian Correia, com sete investidas certeiras, também não aparece nas primeiras colocações do ranking.”

    Um jogador que no Santa Cruz no campeonato de 2016 ajudou o time a tomar seguidas goleadas, sendo rebaixado, com falta de combatividade, não pode exigir jogar na função de marcação. Ô Correia, menos, meu filho, menos!

    Curtido por 1 pessoa

    • É um jogador ruim, essa é a verdade.

      Pouca disciplina no acompanhamento dos jogadores, marca no olho.

      Falta combatividade sim !

      Uillian Correa não pode ser titular e podemos ser mais ofensivos com um cara que tenha mais qualidade no meio campo.

      Curtir

      • Exatamente! Querer jogar não é requisito para se escalar. Ele deixa a desejar na marcação e como terceiro e quarto homem de meio campo, também fica abaixo de outros, logo, serve apenas para compor elenco.

        Curtir

    • Valeu pela dica. Muito esclarecedor. Aproveito para transcrever um comentário do mesmo site:
      Yuri • 3 horas atrás
      “O problema é que a torcida do vitoria é burra e cega. O jogador da base não pode errar que a torcida já pega no pé, enquanto outros que vem com fama, a torcida coloca no colo. David é um bom jogador, novo, alto e forte, bate com as duas e sabe driblar. Ele erra? erra, o problema é que a torcida não tem paciência com jogador da base e acaba queimando. Foi assim com Elkesson que saiu daqui escrachado e hoje está super valorizado na China. Sempre será assim. É preciso o jogador jogar fora pra torcida dá valor.”

      Curtir

      • Uma unica vez vaiei jogador durante a partida, e foi em um Vitoria x avai no campeonato brasileiro serie b 2012 e não me arrependo. Mas com certeza nunca iria vaiar jogador da base

        Curtir

      • O importante é que o jogador ajude o Vitória a vencer, não importa sua origem, se da base, ou contratado. Com relação a David – porque sobre Rafaelson não vale nem a pena comentar – é um atacante que ainda não fez um gol no Brasileirão, perdendo para Kanu que é zagueiro e já fez o dele, com o agravante de que David jogou TODAS as partidas. Talvez a força do seu empresário o esteja mantendo SEMPRE como titular, em que pese a torcida já não estar mais aguentando tanto contra-ataque desperdiçado, tanto gol perdido por esse rapaz. Quanto ao seu futuro, desejo que ele seja tão bem sucedido quanto Elkesson, porém, em outro lugar. Não dá pra ter mais paciência aguardando ele “estourar”, até porque a segundona já está bem ali!

        Curtir

    • Toda a teoria exposta nesse texto eu não vejo em campo. Neilton, para mim, continua sendo o melhor atacante do time. Enquanto David me parece um jogador que entra sem vontade ee jogar.

      Curtir

      • Falou tudo que vejo, e sempre abaixa a cabeça quando faz merda em vez de compensar. Essa teoria é furada, deve estar contando com as partidas do Baiano, grande campeonato de referência.

        Curtir

    • Concordo com francisco, o David é um bom jogador sim, agora , estão endeusando Neilton demais se ele tivesse saído da nossa base seria muito diferente .

      Curtido por 1 pessoa

    • A questão é que a estatística é completamente comprometida uma vez que Neílton não teve 5% do tempo de jogo que David já teve no Vitória no Brasileirão.

      Estatística diz aquilo que o analista quer dizer!
      Só que os dados postos na análise seriam diferentes se o tempo em campo de Neílton fosse o mesmo de David. Pq o analista não citou o tempo em campo dos dois no Vitória em 2017?

      Exemplo de dado citado pelo “analista” que o tempo em campo influencia diretamente:

      “Neilton participou de 2 gols, com um feito e uma assistência. Já David participou de 3 com 3 assistências.”

      Curtir

      • Complementando:

        Em 12 jogos do campeonato brasileiro de 2017 temos:
        – Neílton em 440 minutos em campo pelo Vitória;
        – David em 969 minutos em campo pelo Vitória.

        Curtir

  5. Companheiros vamos usar um pouquinho de coerência,se eu tivesse um empresário da qualidade do de Rafaelson, eu o demitiria dentro de 48 hs. É muito escândalo para nada, o garoto só foi relacionado por causa da lesão de K9 e só entrou no jogo por causa da necessidade de um jogador para segurar a defesa deles, que poderia ser até Rene , vamos baixar a alucinação , pois ele não vai tomar o lugar de Neilton, digo mais, com a chegada de Trellez , Rafaelson volta a sub20. Sem desespero parceiros, menos.

    Curtido por 2 pessoas

    • A galera metendo o pau no Rafaelson, mas a vitória ta na conta dele. Não fosse o corta luz sensacional (ou furada de bola, realmente não sei) o Vitória não ganharia aquele jogo.

      Curtir

    • Não tem como comparar os dois. Primeiro que jogam em posições completamente diferentes, segundo que Neilton é sumamente mais técnico em termos de qualidade, e o outro é grosso que só ele.

      Curtir

    • Não tem como comparar os dois. Primeiro que jogam em posições completamente diferentes, segundo que Neilton é sumamente mais técnico em termos de qualidade, e o outro é grosso que só ele.

      Curtir

  6. Os três pontos é importante, mas continuamos sem jogar muita coisa. Infelizmente temos que torcer para os adversários não fazer o mínimo, caso contrário, é derrota na certa.
    O time tomou sufoco do Atlético a partir das modificações loucas, mas conseguiu no final ser premiado com um gol que deixamos de fazer no clássico. Não teremos tantos adversários fracos com o Atlético, portanto coloquemos a barba de molho.

    Curtir

  7. Ótima vitória, nos deixou na porta de saída do Z4, já que quem tá ao nosso redor vai se enfrentar na próxima rodada (São Paulo x Atletico-GO, Ponte Preta x jahia, Sport x Chapecoense) e a gente tem de ganhar do nosso freguês histórico, o Vasco, pra deixar SPFC e Atletico-GO pra trás e roubar uma vaguinha de alguém desses outros confrontos acima da gente, saindo de vez do Z4.

    Sobre o jogo, ruim! Falhas de marcação, pouca criação… Mas ainda assim gostei da partida de Carlos Eduardo mais uma vez… Cleiton Xavier também tá começando a dar o ar da graça… Talvez o posicionamento diferente tenha ajudado ele a começar a mostrar UM POUCO do futebol que tinha no Figueirense e na primeira passagem pelo Palmeiras…

    Mas Gallo, na boa… É cada escolha maluca que eu não sei não… Em entrevista Uillian Correia falou que ele ia optar por René Santos pra o lugar de Yago… SE ISSO FOR VERDADE, tem que levar ele no Juliano Moreira URGENTE! Apesar de não saber se isso foi fato ou se ele cogitou mesmo essa possibilidade, só o fato de colocar Rafaelson e deixar Neilton de fora é algo que não entra na minha cabeça de jeito nenhum!!!

    A melhor jogada que Rafaelson fez foi um domínio errado que, por sorte, resultou no nosso segundo gol (REPAREM QUE NÃO TEM CORTA LUZ NENHUM, ELE TENTA DOMINAR, NÃO CONSEGUE E A BOLA PASSA DIRETO E SOBRA PRA UILLIAN CORREIA).

    Enfim… Concordo que, POR MOTIVOS TÁTICOS, prefiro David a Neilton e no 4-1-4-1 ele tem de ser banco msm… Mas colocar Rafaelson e deixar Neilton no banco é sacanagem!

    Agora vamo que vamo pra cima do freguês Vasquinho!!!!

    Curtir

    • Entre Neilton e Rafaelson, na boa viu brother, tem nem comparação! Rafaelson não tem condições de ser jogador profissional, QUE DIRÁS de Série A!!! No máximo uma segunda divisão de Campeonato Baiano!

      Curtir

      • Não há como comparar os dois. Esse Rafaelson não é jogador de futebol parece um lutador de boxe sem ginga alguma, ou seja, todo duro!! O empresário dele é forte no Vitória.

        Curtir

      • Rafaelson é horrível, mas falo em relação a concorrência com David.

        Neílton desapareceu um pouco nos últimos jogos.

        Curtir

    • Com relação a David, eu já falei aqui há alguns meses que, se ele tiver a cabeça no lugar, vai ser uma das melhores, quiçá a melhor revelação do Vitória! Inclusive o comparei (guardando as devidas e ainda abissais proporções) com Ronaldo fenômeno.

      Como falei, com o atual elenco, no 4-1-4-1, Neilton é banco… Mas gostaria de ver os dois em campo num 4-4-2… Só que colocar Rafaelson pra mim foi o fim! E cogitar René Santos, o jogador mais maluco que já vi na minha vida, e deixar Uillian Correia no banco também é de lenhar… Tirando essas substituições loucas, to gostando do trabalho de Gallo! Deu padrão e volume ao Vitória!

      Curtir

  8. O entregador de colete mais uma vez priva o time de seu jogador mais capacitado, fazendo de um jogo fácil um drama. até quando…

    Curtir

  9. Gallo não me convence! Num time que praticamente não tem opções, ele ainda escolhe as peças muito errado.
    Não sei o motivo para Neílton e Uillian Correia não serem titulares nesse time. Creio que pode ser o que alguém falou aqui: a mão de empresário no clube.

    Curtir

    • Correia é bom jogador, mas não pode jogar junto com Farias, quando os dois jogam juntos o time fica todo engessado, lento e previsível. Ou é um ou é outro.

      Outra coisa, ele não tem moral pra exigir titularidade, nunca ganhou nada, jogou em lugar nenhum e quer botar banca aqui? Piada.

      Curtir

    • Não sei se o empresário de Rafaelson é o mesmo de David, só sei que se for, esse moço tem um poder extraordinário dentro do clube. Tá muito na cara que tem alguma coisa estranha nisso!

      Curtir

      • Mas David ainda produz algo, Rafaelson é menos um, inclusive no lance do gol ele tentou dominar mas a bola passou por baixo do seu pé direito e quebrou toda zaga do time Goiano.

        srns

        Curtido por 1 pessoa

  10. Time muito irregular… O que me faz desconfiar que só deram “sangue” no jogo contra as sardinhas porque teve “bicho” em jogo…

    SRN

    Curtir

    • Ta estranho essa irregularidade.

      Conheço times que passam por boa fase até “acabar”

      E conheço times que estão em plena má fase até ” acabar”

      Mas time que está em boa e má fase dependendo do jogo é bem diferente.

      Curtir

  11. Partida muito ruim, o time só jogou nos últimos 10 minutos de cada e tempo e foi o suficiente pra ganhar o jogo. Apesar da partida fraca o resultado poderia ter vindo com mais tranquilidade se não fosse a atuação lamentável de Gallo, errou nas 3 substituições e por pouco não comprometeu o resultado, treinador frouxo, meteu o time na retranca faltando 30 minutos pra acabar o jogo, se o Atlético fosse um pouquinho teria virado até com facilidade, sempre dizemos que o Vitória é azarado mas tivemos muita sorte nesse jogo.

    Até quando vão insistir em Rafaelson? Esse rapaz não tem condições de jogar profissionalmente, com 20 anos tá com o físico igual ao do Walter, 0 qualidade técnica, fez falta em todas as vezes que foi disputar a bola, parecia jogador de baba. Duvido que na base não tenha ninguém melhor, assisti a final do Campeonato Baiano de Junior e essa carniça perdeu um gol de cara e ainda foi expulso quase comprometendo o título. Deve ter alguém grande por fora exigindo a escalação desse infeliz.

    Sobre a declaração de Uillian Correia, só pode ser sacanagem. Tem alguma coisa no contrato dele dizendo que tem que ser titular? Engraçado é que no Cruzeiro nem no banco ia e aposto que não falou nada, aqui quer tirar onda, é cada uma.Espero que Pet tenha visto isso e dê logo um chega pra lá.

    Curtir

  12. Essa é mais uma daquelas isoladas vitórias que tivemos que serve pra dar um gás.

    Precisamos mais do que nunca repetir a atuação contra o itinga e fazer uns 3 gols no Vasco pro
    time se sentir aliviado de vez.

    Curtir

  13. Essa é mais uma daquelas isoladas vitórias que tivemos que serve pra dar um gás.

    Precisamos mais do que nunca repetir a atuação contra o itinga e fazer uns 3 gols no Vasco pro
    time se sentir aliviado de vez.

    Curtir

Deixe aqui o seu comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s