MERGULHANDO DE CABEÇA NO OSTRACISMO

Olá amigos, olha eu aqui novamente aparecendo pra dar um sinal de vida. Já falei na tag de comentários do próprio blog e respondi e-mails de quem perguntou meus motivos de não estar mais assíduo no blog, mas vale repetir. Estou super cansado, enojado e envergonhado de ver o Vitória se apequenando anualmente, piorando a cada temporada desde o ano da graça de 2014, pois a de 2013 foi a última digna do clube, por ter terminado o Brasileirão na 5ª colocação, de ter vencido o estadual com duas goleadas em cima do rival que até hoje gozamos da cara deles. Entretanto, para ser mais justo, o mesmo ano de 2013 marcou uma eliminação trágica da Copa do Brasil para o Salgueiro-PE e a vergonhosa eliminação para o Ceará nas quartas-de-finais do Nordestão tomando 4×1 no Barradão.

Segue abaixo a breve retrospectiva de 2014 até os dias atuais para percebermos que a tragédia dos dois últimos anos não foram decorrentes da chegada da democracia no clube, e sim, de um complemento do que já vinha acontecendo dois anos antes do sócio-torcedor ter direito a voto. Portanto, o declínio vertiginoso do EC VITÓRIA como instituição esportiva não é culpa exclusiva do sócio-torcedor por ter “votado errado”, conceito muito subjetivo e que varia de pessoa pra pessoa, pois tem gente que acha que votar em PC seria o certo, assim como tem gente que acha que votar nele é errado. Longe disso. A culpa é, acima de tudo, dos presidentes, sejam eles eleitos pela torcida ou não. De 2014 a 2018 só tivemos incompetentes gerindo o clube, lembrando que Carlos Falcão em 2014 (renunciando em março de 2015) e Raimundo Viana (assumindo como tampão em abril de 2015) foram indicados e bancados por Aléxi Portela Jr e seus conselheiros, também escolhidos à dedo, pois não havia eleições para o Conselho Deliberativo nem para Presidente (para os sócio-torcedores).

2014: Vitória começou a temporada com a torcida e parte da imprensa com boas expectativas após a bela campanha no brasileirão da temporada anterior, mas de cara o time perdeu peças importantes do elenco 2013 como Maxi Biancucchi (pro bahia), Marquinhos (pro Cruzeiro), além de não ter renovado com Renato Cajá, após ato de indisciplina no jogo da penúltima rodada do campeonato contra o Flamengo. O Vitória foi novamente goleado e eliminado pelo Ceará no Nordestão, perdeu o campeonato baiano para o rival, saiu precoce da Copa do Brasil para o J Malucelli. Foram realizadas 24 contratações e para os lugares de Cajá, Maxi e Marquinhos vieram Hugo (ex São Paulo), Marcos Júnio e Souza Caveirão. O time ainda contou com peças como Dão, Lucas Zen, Josa, Marcinho, Edno e outras mumunhas. Na parada do meio do ano, Ney Franco pediu demissão e assinou com o Flamengo e Jorginho veio pro seu lugar. Dois meses depois, Ney Franco retornou depois de não dar certo no Flamengo e ficou até o final do campeonato, onde o ECV não conseguiu evitar o rebaixamento ao perder em casa para o Santos. Dos 19 jogos em casa, o Vitória só venceu 6 e fez apenas 38 pontos.

2015: Rebaixado, o clube remodelou o elenco, mas contratou outra pilha de bondes e nem mesmo o retorno de Neto Baiano foi positivo. Atuando mal e fazendo bem menos gols que nas temporadas 2012 e 2009, terminou perdendo a posição de titular e dando declarações infelizes na imprensa chateado por não ser titular. Pouco tempo depois voltou a ser titular e protagonizou a perda de um pênalti nas oitavas de final do Baiano contra o Colo-Colo e, pela segunda vez, o time de Ilhéus se dá bem em cima do rubro-negro. Com a eliminação precoce no estadual, o Vitória perdeu sua vaga do Nordestão de 2016. Esta eliminação em casa para o time ilheense foi a gota d’água da imprensa, torcida e do conselho deliberativo da época. O pedido de Fora Falcão iniciado no returno do Brasileirão de 2014 ganhou mais força e Carlos Falcão mostrou grandeza e renunciou ao invés de tentar empurrar com a barriga. Novamente Aléxi Portela Jr, que já tinha indicado Falcão como seu sucessor, foi o mentor para a nova escolha do presidente rubro-negro e em mais uma “eleição” indireta e de aclamação, Raimundo Viana, 73 anos (à época) foi o escolhido. O time era muito fraco e vinha de seguidos vexames nas competições iniciais da temporada. O presidente eleito pra ser o tampão tinha sido presidente do clube na década de 70 marcada pelo hepta do rival. O senso-comum era de que inevitavelmente iríamos para a Série C. Pouquíssimas pessoas acreditavam em Viana, por estar muitos anos longe dos bastidores do futebol.

Mas voltando a falar em Nordestão, adivinha quem nos eliminou pela terceira vez seguida? Sim, ele mesmo, o Ceará. Sem goleadas desta vez, mas que culminou com o desgaste total de Nino no Vitória, que deixou o clube após 6 temporadas. A saída de Nino se deu no seguinte contexto: Após perder a titularidade no primeiro semestre para Diego Renan e até mesmo para Romário (já tinha perdido para Ayrton em 2013/14, frise-se) e ter cometido o pênalti que resultou com a queda do Vitória para o Ceará na semifinal do Nordestão. Outra coisa: antes de começar a Série B, o Vitória já tinha tido dois treinadores em menos de 4 meses: Ricardo Drubscky e Claudinei Oliveira. Para a Série B veio Mancini. Tal qual 2012, o Vitória fez um primeiro turno de Série B muito consistente, perdendo força no segundo e voltou a subir sem o título, mas desta vez a novidade foi subir em e não mais em 4º colocado.

2016: Sem poder disputar a Copa do Nordeste só restou ao Vitória de Raimundo Viana e Manoel Matos (que foi o presidente de fato, por se envolver mais nas questões administrativas do clube e do futebol), cair de cabeça no estadual. E o Vitória foi campeão em cima do rival. Mas novamente era nítido que o time do primeiro semestre não era forte o suficiente para a Série A, só que a diretoria teimou e não reforçou o Leão a contento e vimos uma campanha medíocre e que se não fosse o grande ano de Marinho em toda a sua carreira, o Vitória já teria sido rebaixado lá atrás em 2016. Durante toda a temporada outro fato que ganhou destaque foi a luta de grupos de oposição ao status quo do Vitória pela abertura do clube para eleições diretas. Foi uma briga que envolveu liminares e que até fez rachar o conselho deliberativo daquela gestão, que praticamente isolou RV/MM e que gerou a formação da chapa Vitória de Todos Nós, do então Ricardo David. As oposições não conseguiram que fossem eleições diretas, mas conseguiu a participação do sócio-torcedor com mais de 18 meses de filiação ininterrupta ao SMV votar nas chapas.

Foto da Chapa VDT eleita em dezembro de 2016

Se antes, as eleições eram indiretas e restritas aos conselheiros colocados no conselho por indicação, esta seria a primeira vez que o sócio-torcedor poderia eleger a chapa favorita. De forma estratégia, todas as chapas divulgaram com antecedência o nome de quem seria o presidente, caso fosse eleito. E assim no dia 16/12 as chapas Vitória do Torcedor (Ivã de Almeida), Vitória de Todos Nós (Ricardo David), Vitória Gigante(Paulo Carneiro) e Vitória Cada Vez Maior (Raimundo Viana) disputaram os votos de 1.578 sócios aptos SMV. A chapa de Ivã venceu por 528 votos, com a chapa de RD ficando em segundo com 405 votos, PC com 391 votos e Raimundo Viana com 246.

Dátolo é apresentado por Ivã de Almeida

 

2017: Com o lema de um Vitória mais popular e com voz da torcida, a diretoria eleita entrou o ano com boas expectativas, principalmente no retorno de Sinval ao clube, que tinha deixado boa impressão no final dos anos 90 e no ressurgimento do clube no período da Série C, onde ele foi uma das peças motrizes para a volta rápida da Série C para A em 3 anos. Entretanto, todas as expectativas foram por água abaixo quando muitos jogadores de certo renome no continente não deram certo como Pisculichi Dátolo e Cleiton Xavier. O Vitória estava com um dos maiores orçamentos e RV deixou o clube com R$ 23 mi em caixa e com as vendas de Marinho e Marcelo, o Vitória chegou a ter 40 mi à disposição, mas gastou mal e o time não deu liga. Aos trancos e barrancos o time foi campeão baiano invicto, mas foi eliminado pelo Bahia na Copa do Nordeste e pelo Paraná na Copa do Brasil. Mas o “amor acabou mesmo” antes do término do primeiro turno quando o Vitória tinha apenas 12 pontos em 17 jogos.

A pressão política foi forte, tanto por parte do Conselho Deliberativo eleito, como o de opositores políticos, principalmente pela Vitória Gigante, que através de PC, em seus audios de whatsapp denunciava várias coisas erradas cometidas pelos executivos do clube. Sinval foi demitido, Petkovic veio pra seu lugar, mas terminou virando treinador, diretor e gerente de futebol ao mesmo tempo e com isso perdeu os vestiários. Que balbúrdia!!! Nesse interím, Ivã pediu afastamento. Meses depois o C. Deliberativo se articulava para destituir Ivã por Gestão Temerária, tendo inclusive realizado AGE neste sentido (de aprovar a instalação do rito), apenas após este evento, Ivã renunciou e Agenor ficou como interino até o dia das novas eleições que marcou a vitória de Ricardo David, com 945 votos (52% dos votos), deixando Manoel Matos (apoiado por Paulo Carneiro) em segundo lugar com 607 votos. Vale ressaltar que foi o Sobrenatural de Almeida que salvou o Vitória do rebaixamento e não Vagner Mancini. O treinador chegou pela quarta vez ao Vitória sabendo que o clube teria que fazer 33 pontos e ele fez 31 e se não fosse o gol “espírita” de Túlio de Mello, da Chapecoense, nos acréscimos daquele jogo no interior de SC, estaríamos na Série B neste ano de 2018.

Falar e prometer em campanha é fácil, difícil é fazer, né Ricardo?

Portanto galera, apesar do texto ter saído enorme, vamos parar de achar que a culpa da tragédia administrativa rubro-negra é exclusiva da Democracia no Clube e dos sócio-torcedores que “votam errado”. O Vitória tem 120 anos e apenas dois destes anos (2016 e 2017) o torcedor participou votando. Em 2014, Alexi Portela indicou e emplacou Carlos Falcão e depois, com a renúncia deste, fez o mesmo com Raimundo Viana. Antes, PC passou mais de 15 anos no clube em sistema parecido, na verdade nem bate-chapa existia. E antes de PC já tivemos quantos presidentes ruins? Ter presidente fraco não é mesmo por culpa exclusiva da democracia. A culpa maior é de quem assume o comando do Clube e não exerce nada do que prometeu. Ninguém votou em fulano pensando em desgraçar com o clube e sim porque acreditou que tal candidato de tal chapa era o mais preparado ou o “menos pior”. Democracia é isso. E eu prefiro 1500 a 2000 sócios votando e elegendo seus representantes do que deixar isso nas mãos de uma patotinha ou de uma pessoa (pior ainda).

Paulo Carneiro, Aléxi Portela e Carlos Falcão já rebaixaram o clube, já fizeram campanhas pífias também. Raimundo Viana só não rebaixou o clube graças a Marinho e eu aposto que se ele ficasse mais dois ou três anos teria o mesmo destino que AP, PC, CF e agora com Ricardo David. O Vitória precisa é de pessoas realmente capacitadas e empenhadas em fazer o VITÓRIA crescer e se estabilizar no cenário nacional. Infelizmente, as primeiras tentativas da torcida não deram certo. Mas não é por conta disso que devemos acabar com a democracia do clube e preferir o modelo antigo. O modelo antigo já fracassou também!

Alexi Portela foi o mentor do aventureiro Carlos Falcão no Vitória.

Eu confesso que estou desnorteado, nem consegui dormir direito essa noite. E pretendo nunca mais me envolver tão profundamente em eleição política do Vitória. Apoiei sim a VDT em 2016 e me elegi conselheiro por ela. Votei em Ricardo David ano passado, sem fazer campanha explícita, apenas divulgando nas redes sociais e aqui que iria votar nele. Mente aquele que diz que militei por Ricardo David. Publicizar voto nas redes sociais não é fazer campanha. Não pedi votos pra ele como fiz em 2016 para a Chapa VDT, nem fiquei postando as panfletagens virtuais (cards, foto de perfil temática) para ele. Apenas declarei meu voto. E para as eleições de 2019 nem isso farei (expor quem votarei). Eu só quero que RICARDO DAVID saia o quanto antes e que o novo presidente consiga recuperar o clube. Só isso!

E APESAR DO CLUBE ESTAR MERGULHANDO DE CABEÇA NO OSTRACISMO

VITÓRIA SEMPRE!

30 respostas em “MERGULHANDO DE CABEÇA NO OSTRACISMO

  1. Boa tarde!
    Aos que ficam, meu boa sorte! Vou fazer algo que me prometo desde aquele fatídico rebaixamento em 2010 contra o Atlético GO, parar de torcer por esse clube, único que sempre torci durante meus 41 anos. Não quero mais perder meu tempo com futebol. Futebol brasileiro é e sempre será isso aí, lavagem de dinheiro, domínio do eixo SP-RJ e nosso clube subindo e descendo de divisão. Para mim chega, pois pela primeira vez um rebaixamento não me deixou cabisbaixo e sofrendo, sinal de hora certa.
    Desejo aos que continuam que um dia conquistem o tão sonhado título nacional e que tenham discernimento para não serem usados como massa de manobra e possam colocar uma diretoria condizente com o almejado pela torcida. Enquanto durar esse conflito de interesses no clube, vai ser isso aí: apequenamento.
    Por fim, digo viva os amadores e alerto: a culpa não é apenas do presidente não. O clube tem conselho, diretoria e sócio-torcedor, muita gente precisa refletir e descobrir aonde quer chegar e levar o Vitória!
    Indignado, mas aliviado de saber que não sofrerei mais desse mal.
    Boa sorte a todos.

    Curtir

  2. Nesse momento difícil só me resta ouvir o Hino antigo do ECV para ter um pouco de alento.

    Pior do que cair, é a falta de perspectivas…

    Nunca vi tanta gente incompetente neste Clube de futebol!

    Curtir

  3. O cara fica sempre alimentando esperança que nas próximas contratações o clube vai fazer diferente… Mas não faz…

    Eles não fazem porque não querem, ou porque não são compromissados não !!

    Não fazem porque não tem CAPACIDADE.

    Basta ver o tanto de baboseiras que fizeram o ano todo.

    A gestão de Manoel Mattos, foi muito mais responsável economicamente e o Vitória escapou antes da última rodada.

    Naquele ano, foi feito um sacrifício no Vitória e o clube ficou ai, com muito caixa.

    Quando ele pensou num projeto de ARENA, falaram que o cara tava pensando alto demais…

    Faça-me o favor.

    Tem que mudar tudo nessa porra. Centenas de contratações… e novamente terminamos o ano com jogadores como Lucas Ribeiro e Leo Ceará como sendo os principais do time titular.

    Como ano passado foi David…

    Tem que fazer ARENA mesmo, tem que aumentar drasticamente o investimento em divisões da base mesmo e tem que contratar menos, porra.

    Curtir

    • Arena pra q? Isso é promessa pra enganar torcedor e pra desviarem dinheiro. O vitória já tem estádio. Tem que melhorar o que tem.

      Fora que Esse modelo de arena é uma coisa ridícula e elitista. Impor um formato de teatro pra estádio é coisa de Quem não gosta de povo. Quem vibra no estádio é o povão. A fonte nova morreu.

      Curtido por 1 pessoa

      • Também acho. Dá pra reformar o Barradão, deixar ele confortável pra torcida e ao mesmo tempo manter alma do estádio. Tem vários estádios ingleses que poderia servir de exemplo pra uma reforma por exemplo.

        Curtido por 3 pessoas

  4. Estava pensando aqui, aquela frase de pintada nos muros da região próxima ao Barradão dizendo: Segunda divisão nunca mais contra Ricardo David naquela eleição em que Ivan venceu se concretizou.

    srns

    Curtir

  5. Não deve ter punido porra nenhuma da confusão do Bavi.

    APESAR DE QUE ESTAREI COM O VITÓRIA SEMPRE, não é porque os caras fizeram merda que vamos apoiar uma campanha em massa contra o Vitória não.

    PERMITIU que Fernando Miguel saísse (eu sei que Fernando era uma merda) para colocar Caíque (retardardo) em seu lugar.

    O time passou praticamente toda a série a sem goleiro. Esse Ronaldo parecia que iria emplacar… mas é outro que tem uma insegurança monstruosa para sair do gol…

    Esse Elias, até hoje não entendi porque foi pro banco…

    Enfim…

    E a demissão de Carpegiane ? Que vinha fazendo tudo que podia…

    Curtir

  6. São tantas coisas.

    Renovação de Kanu… OO disgraça viu ! Falei tanto pra não renovar…

    O cara contratou Baumjohann, Pedro Botelho e Lucas logo de início…

    Se esforçou pra renovar com André Lima, uma bolha de gordura que não queria jogar mais aqui.

    Contratou o retardardo do Denílson… e o bosta do Lucas Marques !!

    Ainda teve o Guilherme Costa e Belusso.

    9 MERDAS DE UMA VEZ !!

    Aí depois vem Walisson Maia, Benítez, Aderllan, Walter Bou, Arouca, Marcelo Melli, Maurício Cordeiro e Lucas Fernandes !!

    8 merdas de uma vez !!

    Curtir

  7. Paulo carneiro e o resto precisam voltar ao clube mesmo.

    Melhor alguém que tenha expertise em futebol do que o cara que tenha a melhor das intenções, mas fica mais perdido que cego em tiroteio.

    O clube tá precisando de gente que nem Paulo Carneiro e Manoel Mattos mesmo.

    Gente pra botar ordem nessa disgraça. Presidente é para presidir e brigar “contra quem e pelo que for” necessário.

    Curtir

    • Meu amigo leia o que o Fábio escreveu, voltar porque? Já rebaixaram o vitória e se perpetuaram através de votos de conselheiros, parece que não entende PC é passado, odeio ter essa referência, mas olhe as sardinhas, vamos cobrar desses merdas com força, vamos nos associar para votar ou vamos deixar o Vitória se acabar nas mãos desses merdas?

      Curtido por 3 pessoas

      • O Bahia “não tem nada e tem tudo” cara !

        É o diretor Diego Cerri. Um cara que tirou jogadores de qualidades das reservas e “CAFUNDÓS” dos judas.

        Esse Gregore por exemplo, acho que era sub-23 do santos.

        Sempre contratações certeiras…

        Mas os itinguinhas não tem projeto de futebol não. Não tem projeto de crescimento, não tem nada.

        Investimento na base é pífio, que nem o nosso.

        Na hora que Diego Cerri sair, eles voltam pra série B que nem nós.

        Curtir

  8. Fábio, boa noite.
    Mais uma vez, parabéns pelos comentários. Blog com qualidade de informação como o seu é difícil de encontrar.
    O Vitória merece ser rebaixado. Time medíocre.
    Achei que Carpegianni foi muito sacaneado pela diretoria. Estava fazendo um trabalho sério, isento. Descobriu 3 pérolas : Léo Ceará ( não é supra sumo, mas tem qualidade), Léo Gomes e Lucas Ribeiro. Como é que um cara chega de fora e no primeiro treino já promove ao profissional 3 jogadores de qualidade. Ele deu dinheiro de forma indireta aos cofres rubro negros. Ele deveria ser mais respeitado.
    No mínimo,deveria ser uma espécie de coordenador ou diretor das divisões de base. O cara é fera para revelar talento da base. Em todas as vezes que treinou o Vitória, revelou algum jogador da base (Victor Ramos, Gabriel Paulista, etc). Ele não é perfeito, mas ele deveria ter contrato renovado e começar um trabalho no início de temporada. Abraço a todos da casa!

    Curtido por 5 pessoas

    • E esse rebanho de disgraçados burros entendem alguma coisa pelo amor de deus ?

      Deram o comando a esse burse aí como forma de motivação ?

      Ricardo David , um palhaço mentiroso, não entende BOSTA NENHUMA de futebol.

      Aprendeu a dar palestra esse fdp, mas de pilantra e engodos o mundo ta cheio

      Curtir

    • Acho que o Vitória é refém de jogadores e posso até imaginar que os empresários também mandam no vitória, pois não entendo tanto jogador sem qualidade, ou isso ou os diretores tem esquema para Vander perebas e se darem bem, por um vitória melhor vamos nos associar, esse momento requer união,vamos mostrar que podemos escolher um presidente melhor,não para os merdas PC e cia

      Curtir

  9. Cara… Tá foda. Na vdd, tá foda há mtos anos. Na vdd msm, tá foda há mais de uma década. O que vai acontecer?! Paulo Carneiro vai voltar ao Vitória nos braços do povo rubro-negro. O mínimo q Ricardo David deveria fazer era sair e deixar o vice dele assumir. Seria um ano com um cara jovem na presidência e a exigência da torcida para 2019 teria q ser ganhar o campeonato baiano, a copa do nordeste e a série b (só outro milagre – mto maior q do ano passado – pra nos salvar do rebaixamento). O Chico Sales (o nm eh esse?) ganhando a tríplice coroa dos pobres no ano q vem pode fazer com q tenhamos uma eleiçao entre ele e o grupo de PC. Caso nada disso q eu relatei aconteça (RD sair, CS assumir e ganhar tudo o q for possivel), nao precisa nem de eleicao pois PC volta, sem nenhum esforço, pelo voto. É isso… VV!

    Curtir

  10. Larararará, Ricardo Davi, fora daqui! Larararará, Ricardo Davi, fora daqui! Lararararará, Ricardo Davi, fora daqui! Larararará, Ricardo Davi, fora daqui! Larararará Ricardo Davi, fora daqui!

    Curtir

  11. É meus amigos, demorou mais chegou mais um capítulo ruim na história do clube, ou seja, mais um rebaixamento! Pela retrospectiva recente, o Vitória não teria como chegar ao final do campeonato com outra situação, pois o quadro de insucessos foram nítidos durante 2018, para não falar dos anos anteriores, como Fabio acabara de citar muito bem.
    Não poderíamos esperar melhores resultados: campeonato baiano perdeu de forma bisonha para o rival; na copa do Nordeste apanhou do Sampaio Correa; na Copa do Brasil, saiu sem reação diante do Corinthians. Então, o que esperar? Foram inúmeros erros da direção, principalmente no quesito contratação, onde trouxe vários jogadores limitados tecnicamente, outros sem nenhum comprometimento e etc.
    Se em 2017, a Chapecoense nos salvou, agora vamos cair definitivamente no domingo diante do Grêmio, pois se depender do jogo contra o Palmeiras iríamos aumentar o sofrimento, a raiva, a vergonha. Aliás, vergonha é o que temos sentido diariamente com a tamanha queda de rendimento do time, portanto que desligue os aparelhos na UTI, vire a chave, e pensar no futuro!
    Eles vão passar, o Vitória continua sua história! Aqui e em qualquer lugar, em qualquer situação, sempre Vitória!

    Curtir

  12. Perfeito Fábio! Muito boa análise. Viva a Democracia. (*)

    (*) Como disse Winston Churchill: “a Democracia é a pior forma de governo, excetuando-se todos as outras.”

    Curtir

  13. Concordo em quase todo o texto. .. A culpa não foi da democracia e sim a mesma que ocorre em todo o Brasil. .. O povo não sabe votar mesmo. ELEGER dois aventureiros e “analfabetos” no quesito futebol só poderia dar nisso… Uma até você com mt esforço consegue imaginar algum motivo pouco relevante (no caso de RD que pelo menos sabia concatenar uma frase, apesar de ser perceptível sua incapacidade ), agora votar em Iva pra mim é inadmissível, mas enfim… O resultado estamos vendo na prática! !

    Na campanha já era visível que RD não passaria dessa lastima que vemos aí. .. A sua indicação para diretor de futebol mostrava já o que nos aguardava… A manutenção do elenco podre foi a segunda prova… Ahhh mas não tinha dinheiro. .. sério isso?? E o bonde que chegou ao clube? Dinheiro jogado no ralo com jogadores de série C e uns gringos mais paraguaios que essa terra já viu!! Dinheiro nunca foi o principal problema … A incapacidade e falta total de conhecimento de futebol sim foi o pilar pra essa desgraça toda em que estamos enfiados até o último fio de cabelo!!

    Mas enfim… Não adianta chorar, vamos ver qual próximo leigo que chegará apoiado por bocão pra nossa torcida eleger presidente… Meu voto está firmado e comprometido com PC, e se os aventureiros não tiveram condições de fazer o Vitória crescer 0,001% desde que assumiram, vou eleger o cara que transformou a vida e a história desse clube!!!

    Espero que caso ele assuma o clube, ainda sobre algo da base e estrutura que ele com mt suor, conhecimento e trabalho fez durante sua gestão!

    SRN a todos e nos vemos na serie B 2019!!

    Obs: Com RD rumo a série C em 2020!

    Curtido por 3 pessoas

    • Concordo contigo Abb, PC nitidamente conhece mais de futebol que esses palermas conversadores aí, quando lembro que acreditei nesses caras… putz.

      Mesmo o time caindo para a série C em sua gestão, ele deu um UP ao clube e foi o presidente que manteve o Vitória por mais tempo na série A fora todos os times montados, times esses que garantiram muitos torcedores para o Leão assim como eu.

      srns

      Curtido por 1 pessoa

      • Baseado em que vc diz que pc conhece de futebol? Há quantos anos ele não trabalha na área? Isso aí é puro achismo. Sinval 2?

        Curtir

      • Conhece mais que esses 2 palermas, vc não meu direito, mas ainda assim fez muito mais esses 2 imbecis.

        Antes que venha falar de rebaixamento na era PC leve em consideração toda falta de apoio que o Vitória tinha naquela época onde dependia exclusivamente se si para se manter na elite sendo a base seu principal pilar, muitos torcedores que hoje vestem a camisa do Leão hoje surgiram na época dele.

        Perfeito ele não foi e ninguém é mas diante de suas conquistas (Mesmo saindo de forma melancólica com rebaixamento) ainda elevou o Vitória a outro patamar.

        srns

        Curtido por 1 pessoa

    • Abbehusen, se vc culpa o torcedor, vc esta culpando a democracia sim. E está discordando do texto ao contrário do q vc disse. Eu discordo completamente. Em 119 anos apenas 2 foram na democracia, ok?
      O vitória não tem um candidato que preste. A prova disso é pc, um bandido notório ser sempre lembrado. ELE fudeu o vitória até a serie C. Comeu muito dinheiro sonegando valores de vendas e todo ano era um time de aluguel diferente. Nunca houve planejamento.

      Curtido por 1 pessoa

  14. Só tristeza esse Vitória. O que mais decepciona é que o time teve o maior orçamento da sua história nos dois últimos anos e dentro de campo foi um desastre, então o rebaixamento no caso de Ricardo David é pior que o dos outros presidentes.

    Curtido por 2 pessoas

Deixe aqui o seu comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.